Por Pedro Melo com informações de Monique Vilela

Goleiro Marcos participou do treinamento no segundo tempo. (Monique Vilela/Banda B)

O Paraná passou pelo segundo teste da temporada. Em jogo-treino realizado no CT Ninho da Gralha, o Tricolor derrotou o Joinville por 3 a 2. Os gols do time paranista foram marcados por Yan Phillippe, no primeiro tempo, Ítalo e Jonas Pessalli, na etapa final. No último sábado (14), as duas equipes já tinham se enfrentado e empataram em 1 a 1.

Com o goleiro Marcos ainda adquirindo o melhor condicionamento físico, o técnico Wagner Lopes mudou apenas duas peças em relação ao primeiro teste também contra o Joinville com as entradas de Renatinho no meio-campo e Matheus Carvalho no ataque nas vagas de Jonas Pessalli e Ítalo.

O time que começou a atividade foi Léo; Diego Tavares, Airton, Eduardo Brock e Igor; Leandro Vilela, Alex Santana e Renatinho; Vitor Feijão, Yan Philippe e Matheus Carvalho. No primeiro tempo, o Tricolor saiu na frente aos 16 minutos com o atacante Yan Philippe, mas aos 27, o zagueiro Danrlei deixou tudo igual. Depois dos dois gols, o técnico Wagner Lopes cobrou os jogadores paranistas girassem mais a bola.

Já na etapa final, o treinador mudou completamente a equipe e jogou com Marcos; Júnior, Artur Jesus, Rayan e Dias; Gabriel Dias, Zezinho e Diego Canuto; Bruno Cantanhede, Italo e Jonas Pessalli. Com um novo time, o Tricolor voltou a frente do marcador com o atacante Ítalo, que sofreu uma pancada na cabeça no lance do gol, e ampliou com Jonas Pessalli, em cobrança de pênalti. Nos acréscimos, o volante Zezinho marcou contra e diminuiu a vantagem paranista.

Para o zagueiro Airton, o importante é o bom desempenho durante o treinamento e destacou o entrosamento com Eduardo Brock. “O entrosamento com o Brock é boa, a gente treina todos os dias juntos e claro que vai ficar melhor com os jogos. Entrosamento não vai ser problema”, declarou.

O Paraná estreia oficialmente em 2017 no próximo dia 25 de janeiro contra o Avaí pela Primeira Liga. A estreia no Campeonato Paranaense acontecerá quatro dias depois diante do Foz do Iguaçu.