O atacante Marcos Aurélio não joga pelo Coritiba desde o dia 24 de abril, quando sofreu uma lesão no músculo adutor da coxa no Atletiba que deu ao Verdão o título do Campeonato Paranaense. Desde então, ele vem tratando a lesão e na semana passada já voltou a treinar com bola.

Além disso, o atacante foi relacionado pelo técnico Marcelo Oliveira para a segunda partida da final da Copa do Brasil, às 21h50 desta quarta-feira, no Couto Pereira. Com isso, aumentou a expectativa da torcida de que Marcos Aurélio pudesse participar desse jogo histórico e decisivo para o Coritiba, substituindo Anderson Aquino, que está suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

O jogador, inclusive, esteve em campo no surpreendente início de temporada do Coritiba, com 24 vitórias consecutivas e 29 partidas de invencibilidade. Com o atacante em campo, o Verdão possui um impressionante aproveitamento de mais de 93% (com 20 vitórias e dois empates) e a equipe só perdeu quando Marcos Aurélio não jogou.

A importância do atleta para o time coxa-branca é reconhecida até mesmo pelo técnico Marcelo Oliveira. “O Marcos Aurélio é um jogador criativo, que pode decidir o jogo numa jogada. Um jogador muito técnico, tem um bom entrosamento”, admitiu o treinador, que no entanto, ainda não confirmou se Marcos Aurélio começa ou não jogando e vai manter o mistério até momentos antes do início da partida.