Por Esporte Banda B 

Ronaldinho não está mais nos planos do Nacional. (Reprodução/Facebook)

O Nacional, do Uruguai, descartou a contratação do meia Ronaldinho e a negociação com o Coritiba fica ainda mais próxima de um desfecho positivo. A intenção da diretoria coxa-branca é resolver o assunto no máximo até a manhã da próxima terça-feira (24).

Em entrevista ao jornal uruguaio Ovación, o secretário geral do Nacional Heber Lambert afirmou que a questão econômica esfriou a negociação. “O assunto está muito frio e a essa altura é muito complicado que dê certo. Tivemos muitas reuniões e nenhuma das opções cumpriam com os requisitos necessários para assumirmos a contratação deste estilo”, comentou.

“Já passaram duas semanas e o assunto esfriou por diferentes, mas sobre tudo econômico. O Nacional não está em condições de fazer esse investimento e sem o financiamento de alguma empresa ou patrocinador é impossível”, acrescentou Lambert.

O presidente do Coritiba, Rogério Bacellar, ainda tenta procurar um investidor para viabilizar a contratação. Durante reunião na última sexta-feira (20), Bacellar, juntamente com o gerente de futebol Alex Brasil e o dirigente de relações internacionais Juliano Belletti, definiu o limite financeiro do clube na negociação.