Ouça o áudio

Divulgação/Coritiba
Jeci subiu mais que a zaga para fazer o único gol do Coxa na vitória sobre o Avaí: resultado coloca o time no G5

Um gol de zagueiro aos 40 minutos do segundo tempo colocou o Coritiba na zona de classificação para a Libertadores 2012. Todos os resultados da rodada foram favoráveis ao Verdão que, mesmo apático em campo, teve em Jeci o salvador da pátria. O zagueiro subiu de cabeça e, soberano, mandou a bola pro fundo das redes de Moretto, confirmando o 1 a 0 que fez o Verdão saltar da 9ª para a 5ª colocação. (Ouça o gol de Jeci na narração de Fernando César)

Com a importante vitória o Coxa só depende de si para conquistar vaga para a competição continental do ano que vem. No encerramento do campeonato, o Verdão faz o clássico com o Atlético-PR, que, além de vencer, precisa de resultados negativos de Cruzeiro e Ceará para se manter na Primeira Divisão.

Apático em campo, ataque alviverde deixa a desejar

Longe de demonstrar toda a ofensividade que marcou sua campanha no Couto Pereira, o Coritiba teve poucas chances de abrir o placar contra o Avaí n primeiro tempo. Com dificuldades em sair da marcação adiantada empregada pelos comandados de Edson Neguinho, o time pouco produziu no meio campo e, no ataque, as opções escassas refletiram em pouca criatividade na dianteira.

Na dependência de outros resultados para conseguir se aproximar do G5 na penúltima rodada, o Coxa teve uma boa chance de abrir o placar ao 24, mas Leonardo não aproveitou o cruzamento. Pouco depois, Rafinha também enfiou a bola para Everton Ribeiro, que bateu firme e foi parado pela defesa de Moretto. Já no fim do primeirote tempo, Rafinha bateu rasteiro e a bola passou muito perto da trave do Avaí.

Combinação de resultados perfeita e gol salvador

Os outros resultados deixavam o caminho aberto para o Alviverde se aproximar do G5 e tentar uma classificação à Libertadores. Assim, o Coxa voltou diferente para o segundo tempo, com Geraldo e Maranhão, que entrou na ponta direita e deslocou Jonas para o meio-campo. E a tarde era boa. Todos os adversários diretos na luta pelo G5 perdiam e o um gol colocaria o Alviverde no grupo dos cinco melhores. A resposta do time em campo não foi imediata, mas os 17 mil torcedores chamaram para si a responsabilidade de empurrar o Coxa para o gol.

Pouco depois, Bill também entrou na partida e o Coritiba protagonizou mais jogadas de ataque. Consciente de que apenas um gol separava o time da entrada no G5, o time subiu ao ataque, mas não era efetivo no arremate. Na pressão, o desespero tomou conta e os jogadores do Verdão tentaram, sem sucesso, resolver nas jogadas individuais.

Com contornos dramáticos, o jogo no Couto Pereira já se encaminhava para o final quando, aos 40, Jeci subiu mais que toda a zaga do Avaí para marcar e colocar o Coritiba pela primeira vez na zona de classificação à Libertadores no Brasileirão 2011. Na próxima rodada, o Alviverde vai à Arena da Baixada enfrentar o Atlético-PR, que ainda luta contra o rebaixamento.

Brasileiro 2011 – 37ª rodada
Coritiba 1×0 Avaí
Local: Couto Pereira
Data: 27/11/2011
Horário: 17h

Árbitro: Ricardo marques Ribeiro/ MG (FIFA)
Assistentes: Janette Mara Arcanjo/ MG (Asp. FIFA) e Helberth Costa Andrade (MG)
4º árbitro: Claudinei Forati Silva (SP)
5º árbitro: Luciano Roggenbaum/PR

Coritiba: Vanderlei, Jonas, Jeci, Emerson, Lucas Mendes, Tcheco (Maranhão), Everton Ribeiro (Geraldo), Léo Gago, Rafinha, Everton Costa (Bill) e Leonardo.
Técnico: Marcelo Oliveira

Avaí: Moretto; Arlan, Cássio, Welton Felipe e Fernandinho; Acleisson, Diogo Orlando, Leandro Lima (Batista) e Robinho; Cleverson (Diego) (Daniel) e Fabiano.
Técnico: Edson Neguinho

Cartões Amarelos: Diogo Orlando (Avaí), Rafinha (Coritiba), Emerson (Coritiba)

Cartões Vermelhos: Fabiano (Avaí), Fernandinho (Avaí),

Gols: aos 39′ do 2º tempo, Jeci (Coritiba).

Público pagante: 15.680
Público Total: 17.331
Renda: R$ 199.730,00