Na tarde da última terça-feira, o lateral-direito Ayton acabou por si próprio com o mistério se ia ou não disputar a primeira partida da final da Copa do Brasil, contra o Palmeiras. Em sua página na rede social, o twitter, o atleta confirmou aos torcedores coxas-brancas que não teria condições de atuar nesta quinta-feira, na Arena Barueri.

Questinado sobre a “revelação” do atleta, o superintendente de futebol, Felipe Ximenes, disse à Banda B, na concentração coxa-branca em Barueri, que não vê problemas na atitude que o atleta teve.

“Não vejo como problema a delcaração dele no twitter, pois ela aconteceu dois dias antes do jogo. Se ele falasse de hoje para amanhã teria alguma influência, mas agora não tem nada de errado”, afirmou.

Já o elenco coxa-branca levou na esportiva a declaração do lateral-direito.

“Ele não tá acostumado com decisão, é isto. Vai ter que pagar “caixinha”, acho que umas dez cestas básicas”, brincou o meia Tcheco.

Jonas, que já atuou em várias partidas na temporada de 2012, deve ser o substituto de Ayrton.