Por João Pedro Alves

A Federação Paranaense de Futebol (FPF) confirmou na tarde desta segunda-feira (24) a data e local do jogo de ida entre Maringá e Coritiba válido pelas semifinais do Campeonato Paranaense. O primeiro encontro entre as equipes por uma vaga na decisão está marcado para quarta-feira (26), às 22h, no estádio Willie Davids, em Maringá.

A vantagem de decidir em casa do Coxa foi obtida pela melhor campanha que tem até aqui no estadual. Mas foi por pouco. Na primeira fase, os alviverdes terminaram apenas um ponto e uma colocação à frente da equipe do norte do estado: na segunda posição com 18 pontos ganhos, contra os 17 do adversário e terceiro colocado.

Nas quartas de final, tanto Coritiba quanto Maringá passaram com duas vitórias e mantiveram esse ponto de diferença. No caso coxa-branca, a vaga foi conquistada com um 2 a 0 fora de casa contra o Rio Branco e um 2 a 1 no jogo da volta no Couto Pereira. A Zebra teve um ataque mais positivo e eliminou o Prudentópolis com um 4 a 3 na casa do adversário e um 1 a 0 simples no Willie Davids.

Depois de se enfrentarem em Maringá, as equipes voltam a se encontrar no estádio Couto Pereira no fim de semana para definir quem disputará o título estadual.

Outra semi ainda sem definição

O confronto que define o outro finalista do estadual, entre Atlético e Londrina, ainda não tem data e local confirmados pela FPF para o jogo de ida.

Essa demora a mais para que tudo seja decidido acontece por alguns fatores. O principal deles é quanto à data, já que o elenco principal do Furacão joga pela Libertadores na quarta-feira e isso faz com que o sub-23 não possa entrar em campo pelo menos até sexta-feira para respeitar o prazo de 48 horas entre as partida, como previsto em regulamento – mesmo que o time e os atletas sejam diferentes.

Por isso, o jogo deve ser adiado para o final de semana. Provavelmente para sábado (29). Caso isso aconteça, existe a possibilidade do jogo entre Atlético e Tubarão ser o evento-teste que está previsto para acontecer neste dia na Arena da Baixada.