O vice-presidente do Coritiba, Ernesto Pedroso, deixou o clube nesta segunda-feira (23) e em entrevista à Radio Banda B, o ex-dirigente disse que estava sem o tempo que gostaria para se dedicar ao Coxa.

Para Pedroso, o Coritiba merece um profissional que possa atender o clube em qualquer horário. “O meu tempo não estava conciliando com o Coritiba e o clube merece uma atenção especial pois é um clube gestado de forma profissional e o tempo que o clube merecia não era o que eu estava dando”, disse ele.

Questionado sobre problemas internos no clube, o ex-vice-presidente negou. “O clube é um espetáculo, não teve nenhum problema lá dentro, o Coritiba está muito bem gestado. Nossas funções foram muito bem executadas e eu saí na hora que eu poderia sair, deixando o clube em uma situação boa”, lembrou Pedroso.

Apesar de ter saído, Pedroso sabe que tem as portas abertas e lembra que pode voltar algum dia. “É a terceira vez que eu saio do clube, sabendo que a missão foi cumprida, que o trabalho foi feito e quem sabe um dia eu volte”, finalizou.