O Coritiba fez um bom jogo na noite deste domingo, mas apenas empatou em 2 a 2 com o Santos, na Vila Belmiro. Os dois gols do Peixe saíram em lances de bola parada, enquanto que o time coxa-branca desperdiçou bons lances de vencer o duelo de hoje.

Com esse empate, o Coxa fecha a 6ª rodada do Campeonato Brasileiro na 11ª colocação, com 7 pontos. O Verdão, no entanto, deixa a cidade de Santos reclamando da arbitragem, que não teria marcado um pênalti para o Coritiba e que anulou um gol legal da equipe paranaense.

Coxa joga bem, mas leva gol em bola parada

O Coritiba estava bem na partida, marcando forte o adversário, sem dar espaços para o Santos, e principalmente Neymar, chegarem ao gol de Vanderlei. A principais jogadas do Peixe eram de bola parada, e foi assim que o time da casa abriu o placar, aos 31 minutos. Elano cobrou falta e Edu Dracena cabeceou para o fundo das redes: 1 a 0 Santos.

O Coxa não se abalou com o gol sofrido e continuou criando boas jogadas de ataque. Mas como tem sido uma sina da equipe alviverde na temporada, os jogadores de frente novamente desperdiçaram muitas oportunidades de gol. Everton Ribeiro até acertou a trave santista no início do jogo, mas o primeiro tempo terminou com vitória do Peixe por 1 a 0.

Três gols no segundo tempo selam o placar de 2 a 2

Logo aos 4 minutos da etapa final, Everton Ribeiro arrancou pela direita, tocou na esquerda para Rafinha, que fuzilou as redes do Santos: 1 a 1. Bem em campo, o Verdão envolvia o Peixe, que assim como no primeiro tempo, chegava apenas em lances de bola parada. E foi assim que saiu o segundo gol da partida. Aos 25 minutos, Elano cobrou falta e Neymar desviou: 2 a 1 Santos, apesar da superioridade alviverde até então.

Porém, aos 28 minutos, Rafinha foi derrubado dentro da área por Maranhão e o árbitro assinalou a penalidade máxima. Lincoln bateu com categoria e deixou tudo igual novamente: 2 a 2. O tempo ia passando e o Verdão seguia melhor no jogo, apesar de Vanderlei ter feito duas grandes defesas. Aos 42, a arbitragem anulou um gol legal do time coxa-branca, determinando o placar de 2 a 2 na Vila Belmiro.