Divulgação/Coritiba
Sem se apresentar bem, time contou com gol salvador de Jonas para vencer o líder Corinthians

Vencer o Corinthians foi mais que deixar para trás um jejum que já durava três partidas. Para o Coritiba, representou o empurrão que o time precisava para, em alto estilo, dar início à arrancada tão esperada no Campeonato Brasileiro. Sobre o líder, o time esteve longe de fazer uma grande apresentação: contou com duas bolas na trave e as grandes defesas de Vanderlei para conquistar os três pontos e ocupar a oitava posição na tabela.

Pela frente, o Alviverde tem agora o terceiro e quarto colocados do campeonato. Após a dramática final da Copa do Brasil, o time viaja para o Rio de Janeiro para reencontrar o Vasco, seu carrasco na luta para conquistar uma vaga na Libertadores 2012. Depois, enfrenta o Botafogo, time em franca ascensão no Brasileiro.

Com o segundo melhor ataque do Nacional, com 34 gols, o time contou com o lateral-direito Jonas para vencer o Corinthians, no Couto Pereira. Após o cruzamento que veio da canhota de Rafinha, Everton Ribeiro desviou de cabeça e Jonas, sozinho, foi firme ao mandar pro fundo do gol, sem chances para Julio César. “Minha função não é fazer gol, mas sempre é bom, né?”, disse, entre risos. “Eu não gosto muito de falar, gosto de ser avaliado sobre o que eu faço dentro do campo”, apontou o jogador que deve ser titular na partida da próxima quinta-feira (08), às 20h30.