Ouça o áudio

Marcos Bezerra/Futura Press
Com gols de Davi e Leonardo, Verdão bateu o Palmeiras e voltou a vencer fora de casa no Campeonato Brasileiro

Sem vencer fora de casa há 81 dias, desde que bateu o Santos na Vila Belmiro, o Coritiba finalmente voltou a encontrar o caminho da vitória longe dos gramados do Couto Pereira. Em um jogo de poucas pretensões, tanto de um lado quanto de outro, o Coxa foi soberano na posse de bola e bateu o Palmeiras por 2 a 0, com gols de Davi e Leonardo. Bem postado na defesa e rápido na saída pelas pontas, o Alviverde paranaense não teve dificuldades em passar pelo fraco e pouco inspirado Palmeiras. (Ouça os gols na narração de Paulo Sérgio)

Com a vitória, o Coxa vai a 48 pontos e assume a décima colocação do Brasileirão, a sete pontos do G5. Na próxima rodada, o Verdão recebe o Flamengo no Couto Pereira e não poderá contar com o lateral Jonas, que levou o terceiro amarelo e cumpre suspensão.

Domínio coxa-branca na posse de bola

O confronto entre Palmeiras e Coritiba poderia ser morno, sem grandes emoções, já que as duas equipes têm em comum a zona intermediária da tabela e os poucos objetivos no Campeonato Brasileiro. E foi. Soberano na posse de bola, o Coxa segurou os passes no campo adversário e até chegou à meta de Deola com Everton Costa e Davi no comando dos contra ataques.

E a superioridade em campo não demorou a ser revertida em gol. Everton Costa recebeu lançamento em profundidade, tocou na medida para Davi que, na saída do goleiro, chutou firme na entrada da pequena área para abrir o placar aos 23. Leonardo e Marcos Aurélio ainda tiveram chance de ampliar, mas terminaram parados pelas defesas de Deola. Com o resultado negativo já na etapa inicial, o Palmeiras foi para os vestiários vaiado pela torcida em Barueri.

Palmeiras pressiona, mas se apaga e Verdão sacramenta vitória

O Palmeiras voltou mais ligado no segundo tempo e, disposto na busca do gol, deu trabalho para Vanderlei, que fez defesas milagrosas na volta dos vestiários. Firme, a defesa alviverde tratava de travar os chutes de longa distância do time paulista e, enquanto isso, o ataque seguia ligado.

O segundo gol do Verdão nasceu também de um lançamento longo. Leonardo recebeu, dominou e foi preciso no chute para marcar o seu quarto gol no Brasileirão, aos 12 minutos. Com a vantagem, o técnico Marcelo Oliveira sacou Marcos Aurélio para a entrada de Leandro Donizete, de volta após mais de um mês afastado para tratar de uma tendinite.

Na defensiva, o Coxa apertou a marcação e passou a esperar os erros de passe do Palmeiras, que pouco saía para o ataque. Bem no jogo, Leonardo comandou as saídas em contra golpe, principalmente pelo lado direito do campo. Mesmo assim, foi pela esquerda que Everton Costa se lançou e passou para Everton Ribeiro. Diante do gol e sozinho na área, o jogador carimbou a trave de Deola aos 32. Anderson Aquino ainda teve tempo de perder outro gol feito aos 47, mas o placar terminou cravado em 2 a 0 para o Coxa, que voltou a vencer fora de casa após 81 dias de jejum longe do Couto Pereira.

FICHA TÉCNICA

Campeonato Brasileiro 2011 – 33ª rodada

Palmeiras 0×2Coritiba
Local: Couto Pereira
Data: 30/10/2011
Horário: 19h

Árbitro:Alício Pena Junior/MG
Assistentes:Janette Mara Arcanjo/ MG (Asp. FIFA) e Nadine Schram Camara Bastos/SC (Asp. FIFA)

Coritiba:Vanderlei, Jonas, Jeci, Emerson e Eltinho,Willian,Everton Costa, Léo Gago e Davi (Everton Ribeiro); Marcos Aurélio (Leandro Donizete) e Leonardo (Anderson Aquino).
Técnico: Marcelo Oliveira

Palmeiras:Deola, Cicinho, Thiago Heleno, Henrique e Rivaldo (Maikon Leite); Chico, Marcos Assunção, Tinga (Fernandão) e Luan; João Victor e Ricardo Bueno (Márcio Araújo).
Técnico:Luiz Felipe Scolari

Cartões Amarelos: Thiago Heleno (Palmeiras), Jonas (Coritiba), Rivaldo (Palmeiras), Chico (Palmeiras), Marcos Assunção (Palmeiras), Emerson (Coritiba), Léo Gago (Coritiba),

Cartões Vermelhos: João Vitor (Palmeiras)

Gols: Davi (Coritiba), aos 23′ do 1º tempo; Leonardo (Coritiba), aos 11′ do 2º tempo;

Público pagante: 7.513
Renda: R$75.868,00