Desde 2009, o Coritiba tem feito grandes campanhas na Copa do Brasil. Nos últimos quatro anos, foram três semifinais (2009, 2011 e 2012) e duas finais consecutivas: em 2011, quando perdeu o título para o Vasco, e em 2012, quando espera o vencedor de Grêmio x Palmeiras para conhecer seu adversário na decisão do torneio.

Ao alcançar por duas vezes consecutivas a final da Copa do Brasil, o time coxa-branca se igualou ao Grêmio, ao Corinthians e ao Flamengo, únicas equipes que também decidiram o título da competição em dois anos seguidos. O Grêmio, aliás, chegou à final do torneio em três oportunidades em sequência: 1993, 1994 e 1995.

Em 1993, o tricolor gaúcho perdeu o título para o Cruzeiro, mas no ano seguinte derrotou o Ceará. Porém, em 1995, foi novamente vice-campeão, perdendo para o Corinthians na final. O Grêmio, no entanto, é o maior vencedor da Copa do Brasil, ao lado do Cruzeiro, ambos com quatro taças da competição.

O Flamengo chegou à final da Copa do Brasil em 2003 e 2004, perdendo os dois títulos para Cruzeiro e Santo André, respectivamente. Já o Corinthians decidiu o torneio em 2001 (foi vice do Grêmio) e 2002 (venceu o Brasiliense) e novamente em 2008 (perdeu para o Sport) e 2009 (foi campeão em cima do Internacional).

Supremacia alviverde na Copa do Brasil

Os números do Coritiba nas edições de 2011 e 2012 da Copa do Brasil impressionam. Foram apenas quatro derrotas, todas fora de casa. No Couto Pereira, são onze jogo e onze vitórias. Agora, o Verdão tem novamente a possibilidade de lutar pelo título inédito da competição.