Júlio Rusch durante a partida do Coritiba contra o Goiás. (Divulgação/Coritiba)

O Coritiba perdeu para o Goiás por 1 a 0 e terá que vencer por, no mínimo, dois gols de diferença no estádio Couto Pereira para avançar à quarta fase da Copa do Brasil. O gol da vitória do time goiano foi marcado aos 8 minutos do segundo tempo pelo lateral Jefferson em chute na saída do goleiro Wilson.

A partida de volta acontece no dia 14 de março, às 19h30, na primeira partida do Coritiba em seu estádio na Copa do Brasil. Qualquer vitória coxa-branca por um gol de diferença leva a decisão para os pênaltis. Já o empate favorece ao Goiás.

Goiás joga melhor, mas primeiro tempo não tem gols

O técnico Sandro Forner manteve a base do time campeão da Taça Dionísio Filho e as únicas mudanças foram César Benítez e João Paulo nas vagas de Marcos Moser e Vitor Carvalho. Porém, o time coxa-branca não conseguiu repetir as mesmas atuações e foi dominado pelo Goiás no primeiro tempo.

A primeira chance da partida foi aos 21 minutos de jogo. Carlos Eduardo faz boa jogada individual e chuta cruzado para defesa de Wilson. Já o Coritiba respondeu logo na sequência em chute colocado de Júlio Rusch, mas Jefferson salva praticamente de cima da linha. Aos 35, o Goiás abriu o placar em lance de bicicleta de Lucão após bola na trave, mas o assistente parou o lance assinalando impedimento.

Coritiba sofre o gol da derrota na etapa final

Assim como no primeiro tempo, o Goiás continuou melhor na partida e teve oportunidade de sair na frente logo no minuto inicial. Após cobrança de escanteio na área, a bola foi desviada para a segunda trave e Carlos Eduardo errou o cabeceio.

Porém, não demorou muito tempo para a pressão da equipe goiana resultar em gol. Aos 8 minutos, Maranhão tocou para o lateral-direito Jefferson que dominou dentro da área e chutou no alto, sem chances para Wilson.

O gol ‘acordou’ o Coritiba que teve uma grande chance de empate aos 18 minutos. Iago Dias avançou pelo lado direito e cruzou para o meio da área. Alecsandro deixou a bola passar e ficou nos pés de Guilherme Parede que, na cara do goleiro, mandou pela linha de fundo.

O Goiás ainda teve mais duas oportunidades de ampliar a vantagem. Aos 30, Lucão errou na tentativa do gol e Maranhão que parou em boa defesa de Wilson. Já nos acréscimos, Lucão recebeu cruzamento, mandou de voleio e a bola bateu no travessão.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1X0 CORITIBA

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).
Data: Quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018.
Horário: 19h30.
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN).
Assistentes: Flávio Gomes Barroca (RN) e Vinicius Melo de Lima (RN).
Público e renda: 15.267 pagantes/17.556 presentes/R$ 145.760,00

Goiás: Marcelo Rangel; Caique (Pedro Bambu), David Duarte, Eduardo Brock e Jefferson; Léo Sena (Elyeser), Madison, Giovanni, Carlos Eduardo e Maranhão; Lucão.
Técnico: Hélio dos Anjos.

Coritiba: Wilson; César Benítez, Thalisson Kelven, Romércio e Léo Andrade; João Paulo (Simião); Julio Rusch, Thiago Lopes (Pablo), Iago Dias e Guilherme Parede; Alecsandro (Evandro).
Técnico: Sandro Forner.

Cartões amarelos: Léo Andrade, Simião e Júlio Rusch (CFC); Giovanni, Madison e David (GOI).
Gol: Jefferson (GOI), aos 8′ do segundo tempo.