Ouça o áudio

Depois da derrota por 2 a 0 para o Vasco, o Coritiba fez as pazes com a vitória em grande estilo, ao bater o Botafogo pelo placar massacrante de 5 a 0, na tarde deste domingo, no Couto Pereira. Com um bom futebol e tranquilidade em campo, o Verdão não encontrou dificuldades para vencer um dos times que luta pelo título do Campeonato Brasileiro.

Com essa grande vitória em casa, o Coxa sobe três posições na tabela e fica na 12ª colocação, com 32 pontos.

Zagueiro artilheiro coloca o Coritiba à frente no placar

O jogo começou a todo vapor no Couto Pereira, com as duas equipes criando boas jogadas de ataque. Aos 10 minutos, Léo Gago soltou uma bomba de longe e Jefferson fez grande defesa. Aos 12, Elkeson cobrou falta com categoria e Vanderlei espalmou. Aos 16, após bate-rebate na área, Marcos Aurélio chutou fraco e Jefferson ficou com a bola. Dois minutos depois, Renato fez grande jogada e tocou para Loco Abreu, sozinho, mas o uruguaio bateu por cima do travessão coxa-branca.

O tempo passava e a partida seguia movimentada, com o Coritiba atacando com mais perigo, mas o Botafogo eficiente nos contra-ataques. Aos 20, Jefferson defendeu novo chute de longe de Léo Gago. Um minuto depois, Marcos Aurélio arrematou e o goleiro alvinegro fez uma defesa espetacular. Na sequência, Jonas balançou as redes, mas o gol foi anulado por conta de impedimento no ataque alviverde. Aos 25, Tcheco chutou de longa distância e Jefferson fez mais uma boa defesa.

Aos 30 minutos, Emerson cabeceou e Renato tirou em cima da linha, evitando o primeiro gol do time da casa, que cresceu em campo nos minutos finais da etapa inicial. Aos 34, Léo Gago tocou para Bill, que finalizou a gol e Jefferson salvou de novo o alvinegro carioca. O Coritiba jogava melhor e estava bem mais perto do primeiro gol. Até que, aos 42, após cobrança de escanteio, Emerson subiu mais que todo mundo e cabeceou para o fundo das redes: 1 a 0 Verdão, que terminou o primeiro tempo melhor em campo.

Coritiba domina o Botafogo e vence com tranquilidade

Logo no início da etapa final, aos 9 minutos, Bill foi derrubado por Jefferson dentro da área e o juiz marcou a penalidade máxima a favor do Coritiba. Marcos Aurélio cobrou o pênalti com categoria e marcou o segundo gol alviverde: 2 a 0 Verdão. O tempo passava e o Coxa seguia amplamente melhor em campo e o Botafogo já não conseguia nem explorar os contra-ataques e só se defendia. Aos 19, Marcos Aurélio cruzou para a área, Bill arriscou de carrinho e marcou o terceiro do Coritiba: 3 a 0 Verdão.

Com o placar consolidado, o Coritiba tocava a bola com tranquilidade, administrando a boa vitória conquistada até então. Aos 35, ainda houve tempo do Coxa marcar o quarto e reforçar a goleada histórica em cima do alvinegro carioca. Marcos Aurélio fez grande jogada e tocou para Rafinha, que bateu na saída de Jefferson: 4 a 0 Verdão. Aos 43, Éverton Costa bateu colocado para fechar a goleada coxa-branca: 5 a 0 Verdão, primeiro vitória em cima do Fogão depois de sete anos (10 jogos) sem vencer a Estrela Solitária.

Brasileiro 2011 – 23ª rodada

Coritiba 5x0 Botafogo
Local: Couto Pereira
Data: 11/09/2011
Horário: 16h

Árbitro:Fabrício Neves Correa/RS
Assistentes: Carlos Berkenbrock/ SC (FIFA) e José Javel Silveira/RS (CBF)

Coritiba: Vanderlei, Jonas, Luccas, Emerson e Lucas Mendes; Leandro Donizete (Gil), Tcheco, Léo Gago e Rafinha; Marcos Aurélio (Everton Costa) e Bill (Caio Vinícius).
Técnico: Marcelo Oliveira
Banco: Edson Bastos, Maranhão, Eltinho, Gil, Everton Costa, Geraldo e Caio Vinicius.

Botafogo: Jefferson, Lucas, Gustavo, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos (Felipe Menezes), Renato, Everton (Cidinho) e Elkeson; Herrera (Alex) e Loco Abreu.
Técnico: Caio Júnior
Banco:Renan, Alessandro, Lucas Zen, Cidinho, Felipe Menezes, Alex e Maicosuel.

Cartões Amarelos: Leandro Donizete (Coritiba), Elkeson (Botafogo), Caio Vinícius (Coritiba), Gustavo (Botafogo).

Cartões Vermelhos: não houve.

Gols:aos 43′ do primeiro tempo, Emerson (Coritiba); aos 10′ do segundo tempo, Marcos Aurélio (Coritiba); aos 20′ do segundo tempo, Bill (Coritiba), aos 36′ do segundo tempo, Rafinha (Coritiba), 43′ do segundo tempo, Everton Ribeiro (Coritiba).

Público total: 19.033
Público pagante: 17.142
Renda: R$ 244.160,00