Dúvida durante a semana, Abner foi titular no empate do Coritiba. (Ale Vianna/Estadão Conteúdo)

Em um jogo tecnicamente fraco, o Coritiba ficou no empate em 1 a 1 com o Oeste, na Arena Barueri, e conquistou o primeiro ponto fora de casa na Série B. O time paulista saiu na frente com Wallace Bonilha e o atacante Guilherme Parede, que saiu do banco de reservas, deixou tudo igual.

O empate impediu que o Coritiba entrasse pela primeira vez no G4 da Série B, mas mantém a desvantagem para o quarto colocado em apenas dois pontos. O time alviverde tem pouco tempo de descanso e volta a campo na próxima terça-feira (08) contra o Brasil de Pelotas, às 21h30, no estádio Couto Pereira.

O jogo

Satisfeito com o desempenho da equipe em sua estreia, o técnico Eduardo Baptista mudou em apenas uma posição com a entrada do estreante Leandro Silva na vaga do lesionado Vinícius Kiss. Com bola rolando, o Coritiba começou a partida em busca do gol e teve a primeira chance aos sete minutos. Jean Carlos cobrou escanteio para o meio da área e Vitor Carvalho cabeceou para boa defesa de Tadeu.

O Oeste equilibrou as ações da partida, mas pecou na hora da finalização. Aos 22 minutos, Danielzinho deu susto na defesa coxa-branca em chute colocado de dentro da área e a bola passou perto da trave. Já nos minutos finais, o mesmo Danielzinho apareceu novamente com perigo e parou no goleiro Wilson que evitou a abertura do placar no primeiro tempo.

Na volta do intervalo, Eduardo Baptista mudou duas peças no meio-campo com as entradas de Yan Sasse e Pablo nos lugares de Jean Carlos e Pablo. Porém, o Coritiba sofreu uma ducha de água fria com o gol do Oeste logo no primeiro minuto. Léo Artur cobrou falta para o meio da área, a zaga ‘cochilou’ e Wallace Bonilha cabeceou a bola para o fundo das redes.

Após sofrer o gol, o time coxa-branca acordou na partida e partiu para o ataque em busca do gol de empate. Aos 17 minutos, Vitor Carvalho recebeu dentro da área e chutou com força para grande defesa de Tadeu. Na sobra, o goleiro chegou antes de Bruno Moraes e tirou quase em cima da linha.

A última mudança do Coritiba foi a entrada de Guilherme Parede no lugar do lateral Abner. E foi justamente o atacante quem evitou a derrota e marcou o gol de empate em Barueri. Júlio Rusch fez belo lançamento para o camisa 77 que girou e chutou na saída de Tadeu para deixar tudo igual.

Depois do empate coxa-branca, a partida ficou aberta e os dois times tiveram a chance de sair com a vitória. Aos 39 minutos, Carlinhos aproveitou falha de Thalisson Kelven e chutou cruzado, mas o goleiro Wilson salvou mais uma vez. A resposta alviverde aconteceu na sequência e Pablo foi travado pela defesa no momento da finalização.

FICHA TÉCNICA
OESTE 1X1 CORITIBA

Local: Arena Barueri, em Barueri (SP).
Data: Sexta-feira, 04 de maio de 2018.
Horário: 21h30.
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN).
Assistentes: Vinicius Melo de Lima (RN) e Jean Marcio dos Santos (RN).
Público e renda: 1.315 torcedores/R$ 10.210,00

Oeste: Tadeu; Daniel Borges, Lídio, Patrick e Conrado; Rodrigo Souza, Wallace Bonilha e Léo Arthur (Claudinho); Bruno Lopes, Danielzinho (Carlinhos) e Pedrinho (Marcinho).
Técnico: Roberto Cavalo.

Coritiba: Wilson; Leandro Silva, Thalisson Kelven, Alex Alves e Abner (Guilherme Parede); Vítor Carvalho, Júlio Rusch, Jean Carlos (Yan Sasse), Chiquinho e Kady (Pablo); Bruno Moraes.
Técnico: Eduardo Baptista.

Cartões amarelos: Bruno Moraes, Alex Alves e Leandro Silva (CFC); Wallace Bonilha e Conrado (OES).
Gols:
Wallace Bonilha (OES), à 1′ do segundo tempo, e Guilherme Parede (CFC), aos 25′ do segundo tempo.