Por Guilherme Coimbra com informações de Osmar Antônio e Greyson Assunção

Negociação do jogador com o Coritiba divide o G5 do clube (Divulgação/Atlético-MG)

A contratação de Ronaldinho Gaúcho já começa a ganhar os contornos de novela dentro do Coritiba. A princípio descartada por alguns dirigentes, a vinda do craque de 36 anos para o clube foi vista com bons olhos por parte da diretoria alviverde. Desconsiderada pelo segundo vice-presidente, Gilberto Griebeler, a negociação com o jogador foi confirmada pelo seu companheiro, Alceni Guerra, terceiro vice coxa-branca.

Eleito duas vezes o melhor do mundo e multicampeão, Ronaldinho Gaúcho divide a diretoria coxa-branca desde que teve seu nome especulado no clube. O segundo vice-presidente do Coritiba, Gilberto Griebeler, descartou a necessidade de contratar o atleta e afirmou que as principais apostas do marketing do clube são o atacante Kleber Gladiador e Juliano Belletti, novo Diretor de Relações Internacionais do Coxa.

Eu não penso assim. Nós temos dentro do Coritiba essa marca e ela se chama Kleber Gladiador. Ele é um monstro, um jogador sensacional, um cara comprometido e que tem essa segurança”, disse Gilberto Griebeler. “Contratamos o Belletti para fazer relações internacionais. Ele é campeão do mundo, da Champions League, é um ícone no futebol brasileiro. É um menino com um cabedal de títulos muito grande. Eu acho que hoje não precisamos da vinda do Ronaldinho para estimular a torcida. Isso me dá tranquilidade para dizer que a campanha que faremos para angariar sócios passará pelo Kleber e pelo Belletti”, completou.

Na contramão do companheiro, o terceiro vice-presidente do clube, Alceni Guerra, confirmou que Belletti está no comando da negociação e que as conversas com Ronaldinho Gaúcho estão avançadas. “Quem está dirigindo essa negociação é o Belletti. Ele me informou que as tratativas estão bem e muito adiantadas com o Ronaldinho, esperando que nos próximos dias ele possa concluir essa negociação”, destacou.

Alceni Guerra confirmou que as conversas com o jogador foram autorizadas pela diretoria e que a contratação será necessária para o marketing do clube. “Houve uma reunião na semana passada do G5 e o presidente e os quatro vice-presidentes autorizaram a negociação”, contou. “Nós achamos que o marketing tem um potencial muito grande no Coritiba, que é um clube que precisa ser conhecido no mundo inteiro. Esse investimento vai fazer com que possamos cobrar mais caro a TV, angariar sócios e vender ingressos. Investir no Ronaldinho Gaúcho ou em qualquer outro grande craque é absolutamente necessário para nós sairmos dessa situação que nós estamos de ser um clube médio para ser um clube grande no mundo. Nós precisamos de uma figura que puxe os investimentos no clube e nós estamos tentando fazer isso”, concluiu.

Guerra ressaltou que a definição pelo jogador só sairá no retorno de toda a delegação de Foz do Iguaçu, onde o Coritiba realiza os trabalhos de pré-temporada. “Em princípio ele disse para o Belletti que poderia estar em Curitiba nos próximos dias, mas todos os diretores estão em Foz do Iguaçu. Então, no retorno do G5 e do nosso grupo de lá, nós podemos tratar isso com o Ronaldinho”, finalizou.