Por Rodrigo Dornelles

O empate em casa diante do Botafogo foi inesperado e tornou ainda maior a necessidade do Coritiba buscar pontos fora de casa no Brasileirão. Com apenas dois pontos conquistados longe do Alto da Glória na competição, a equipe só é melhor que o lanterna como visitante. O técnico Pachequinho ganha tempo nas próximas semanas para trabalhar a equipe em busca de pontos fora de casa.

Ainda sem vencer como visitante, o Coxa vai para duas partidas em sequência fora de casa. Na porta da zona de rebaixamento, o time precisa melhorar os resultados longe de Curitiba para não se encontrar dentro do Z4 ao fim da pequena excursão.

Coxa tem dobradinha fora de casa. (Divulgação/ Coritiba)

Coxa tem dobradinha fora de casa. (Divulgação/ Coritiba)

Com duas partidas fora seguidas nas próximas rodadas, o técnico Pachequinho ganha tempo para trabalhar a equipe. Nas próximas partidas, o treinador terá duas semanas cheias para treino. Depois de pegar o Botafogo, no último sábado (9), a equipe só volta a campo na próxima segunda-feira (18), às 20h, contra o Atlético-MG, no Independência. Após isso, a equipe terá outra semana cheia, voltando a campo no sábado seguinte, dia 23, no Arruda, diante do Santa Cruz.

Fora de casa, o Verdão supera apenas o lanterna América-MG em número de pontos conquistados. O Coelho conseguiu apenas um ponto como visitante, e no clássico contra o Cruzeiro. O Coxa, com dois pontos, somou o mesmo que Figueirense e Santa Cruz, que estão na zona de rebaixamento. O outro integrante do Z4, o Sport, conquistou quatro pontos longe de casa.