Por Esporte Banda B

Carpegiani terá que remontar ataque coxa-branca para a estreia (Divulgação/Coritiba)

Na reta final de preparação para o Campeonato Paranaense, o técnico Paulo César Carpegiani já terá uma pulga atrás da orelha já para a estreia na competição. Com cinco ausências para o duelo de domingo (29), contra o Cianorte, no Albino Turbay, o treinador terá que remontar sobretudo o setor ofensivo, que não terá a presença de Rildo, Neto Berola, Henrique Almeida e Kleber. O atacante Filigrana segue como dúvida.

Carpegiani terá trabalho para remontar o ataque alviverde para a estreia. Ao todo, o treinador não poderá contar com quatro peças do setor ofensivo e tem uma dúvida. Kleber está suspenso, enquanto Rildo, Neto Berola e Henrique Almeida seguem realizando trabalhos de fortalecimento muscular e foram vetados. O colombiano Yilmar Filigrana, que ainda depende da regularização para poder estrear, ainda não tem presença confirmada na partida.

A alternativa para suprir os desfalques é uma receita caseira. Titular na última temporada, Iago deve aparecer na equipe principal. Outro jogador que foi testado no setor e surge como opção é o meia Ruy, que pode entrar caso Filigrana não esteja à disposição. O meia-atacante Léo Santos, que teve boas aparições no ataque nos jogos-treino contra o 3 de Febrero e o Minga Guazu, é outro que pode ser escalado na frente.

Além das quatro ausências ofensivas, o volante Jonas, que se recupera de dores no joelho, também não estará à disposição para a partida diante do Cianorte, no domingo (29), às 17h, no Albino Turbay, em duelo que marcará a estreia do Coxa na temporada e no Campeonato Paranaense de 2017.