Por Pedro Melo com informações de Osmar Antônio

Luccas Claro tem contrato com o Coritiba somente até o final da temporada. (Osmar Antônio/Banda B)

Luccas Claro tem contrato com o Coritiba somente até o final da temporada. (Osmar Antônio/Banda B)

Luccas Claro tem contrato com o Coritiba até o final da temporada, mas já existe uma conversa entre os empresários do jogador e a diretoria para estender o vínculo. O zagueiro não quer se envolver nas negociações iniciais, ao contrário do que aconteceu no ano passado, mas deixa claro que será o responsável por decidir se fica ou continua no clube.

“Já teve uma conversa, mas falei que a partir do momento que comecei a me envolver em questões de contrato, meu futebol deu uma caída no ano passado. Esse ano está bem focado, não estou me envolvendo, mas claro que quem decide sou eu. Meus agentes estão conversando com a presidência e estou focado no Coritiba. Não sei se vou ficar ou sair, mas estou feliz e vou dar melhor para o Coritiba”, comentou Luccas Claro.

Com o pensamento somente no que acontece dentro das quatro linhas, o zagueiro não tem o mesmo pensamento do técnico Paulo César Carpegiani, que não olha a tabela para saber dos jogos, e admite que faz contas para saber como ficará a situação do Verdão caso engate uma sequência de vitórias. “Eu não obedeço muito não. Acabo olhando os próximos jogos para saber onde podemos chegar, mas claro que pensamos jogo a jogo. É inevitável não fazer as contas de onde a gente pode estar daqui umas duas ou três rodadas”, disse.

Os próximos três jogos do Coritiba no Campeonato Brasileiro são Grêmio, Chapecoense e Corinthians e todas as equipes saíram de campo vitoriosas no primeiro turno. Mesmo com o desempenho negativo, o jogador olha apenas para o desempenho dos adversários nas últimas rodadas.

“O Grêmio é o que está com o futebol mais próximo do que estava no início da competição. Não adianta olhar muito porque faz muito tempo e passaram-se muitas rodadas, mudaram jogadores e até mesmo treinadores. Temos que procurar saber neste momento, o clube passa os últimos jogos dos adversários para a gente neutralizar as qualidade e ver quais são as falhas”, afirmou o camisa 3.