O presidente do Coritiba, Jair Cirino, esteve no sorteio de árbitros realizado nesta quarta-feira (29), no Rio de Janeiro. Na sede da Confederação Brasileira de Furebol (CBF), o mandatário aprovou a escolha do trio de arbitragem, comandado por Sandro Meira Ricci (DF), que será auxiliado pelos paranaenses Roberto Braatz e Gilson Coutinho.

“Temos todo o interesse de que a arbitragem seja excepcional, no bom sentido, porque todo Atletiba tem uma adrenalina especial, mas esse tem um acréscimo”, afirmou Cirino. Considerado por muitos o clássico do século, o Atletiba ideal para Cirino seria disputado com outros objetivos: “Espero que o maior Atletiba da história seria com as duas equipes disputando um título nacional”, frisou.

Preocupado com a segurança dos torcedores que devem lotar as arquibancadas da Arena da Baixada, Cirino prega senso. “Isso se trata de mais um jogo de futebol. Coritiba e Atlético não vão morrer depois desse jogo”, finalizou.

Atlético e Coritiba se enfrentam neste domingo (4), às 17h, na Arena da Baixada, pelo encerramento do Campeonato Brasileiro.