Por Rodrigo Dornelles com informações de Felipe Dutra
Goleiro Weverton destacou fato de não tomar gol. (Divulgação/ Atlético)

Goleiro Weverton destacou fato de não tomar gol. (Divulgação/ Atlético)

Nada de gols. Atlético e Chapecoense ficaram no empate na Arena da Baixada na primeira partida do confronto válido pela terceira fase da Copa do Brasil. A definição do classificado segue em aberto e será disputada na Arena Condá, em Chapecó, na próxima quarta-feira (27). Para o goleiro Weverton, do Furacão, o resultado não foi o esperado, mas foi justo. O camisa 12 ainda valoriza o fato de não ter sofrido gol em casa.

Com o saldo qualificado, o gol fora de casa é um importante critério na classificação para a fase seguinte. É com esse pensamento que Weverton valoriza o fato de não ter buscado a bola nas redes atleticanas. “Foi importante não tomar gol hoje, a disputa fica aberta, lá em Chapecó vai ser um jogo diferente, aberto, temos boas chances”, comentou Weverton. “A gente fez tudo para ganhar, mas empate sem tomar gol também não deixa de ser importante”, disse ainda o goleiro.

Depois de um primeiro tempo equilibrado, mas sem grandes emoções, o segundo tempo de jogo teve uma Chapecoense mais aguda e perigosa, finalizando 14 vezes e criando chances de vencer. Por isso, Weverton entende que o resultado foi justo. “Pelas circunstâncias do jogo, o adversário criou bem e teve chances de vencer, o resultado foi justo, não o esperado”, afirmou o jogador.

Esse foi o segundo jogo consecutivo do Atlético em casa, por Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil. Foram dois empates, logo após uma vitória importante fora contra o Cruzeiro. No domingo (24), o Furacão recebe o Fluminense, pelo Brasileirão. Weverton admite que se criou uma expectativa após a vitória sobre a Raposa, mas espera o torcedor novamente ao lado do time contra o Flu. “Sabemos que não fizemos um bom jogo, mas não tem nenhum desespero, continuamos em quinto no Brasileiro e aqui tudo aberto na Copa do Brasil”, destacou o goleiro. “O torcedor cobra, veio aqui nos apoiou, fez a parte dele da melhor forma possível. Mas domingo vamos estar juntos de novo”, projetou.