O Atlético enfrenta o ASA, nesta terça-feira (14), em Paranaguá e a equipe do técnico Ricardo Drubscky terá mudanças na zaga, na lateral-esquerda e no meio de campo. O treinador garante que estas mudanças são positivas.

Drubscky, que ainda não pode ficar no banco, pois cumpre o último jogo de suspensão, acredita que as mudanças, mesmo que forçadas, serão bem vistas por ele. “Quem entrar vai jogar e ajudar. Nós treinamos a semana inteira e estas mudanças que estamos fazendo acaba dando vida ao elenco e uma visão nova para o treinador sobre os atletas”, disse o treinador.

Após voltar à comandar a equipe profissional, pois estava no sub-23, Ricardo garantiu que não fará loucuras de levar todos que trabalham com ele na categoria de base. “Conhecer o elenco ajuda muito, é lógico que não vamos fazer loucura, trazendo todos do sub-23 para o profissional e tentar achar que vai dar certo”, garantiu.

O trabalho implementado pela comissão técnica é vista com bons olhos, mas ainda é muito cedo para tirar conclusões. “Eu acho muito prematuro ainda, mas o grupo tem recebido muito bem as nossas ordens, então, uma semana para este grupo vale duas ou três para outros grupos. Temos muita coisa a fazer, mas nós já temos alguma coisa”, finalizou o treinador do Furacão.