Ícone da torcida atleticana, o massagista Bolinha foi submetido a uma cirurgia de emergência nesta terça-feira, no hospital Vita, em Curitiba. De acordo com o diagnóstico médico, ele teve uma crise conhecida como abdômen agudo, com fortes dores súbitas e de intensidade variável na região abdominal.

Divulgação
Bolinha está no Atlético há 19 anos

De acordo com o departamento do médico do Atlético, o massagista segue internado em estado grave, na UTI do hospital. Bolinha sofreu uma úlcera perfurada e a inflamação se espalhou por seu abdômen. Uma drenagem de emergência foi feita e retirou cerca de dois litros de pus do massagista. Mas essa inflamação aguda comprometeu alguns órgãos de Bolinha, que neste momento está até com insuficiência renal.

“Neste momento ele está entubado, inconsciente na UTI e o caso é realmente grave. Ainda não é irreversível, mas é preocupante sim. Peço que a torcida atleticana reze muito para que o Bolinha saia dessa e hoje vamos homenageá-lo no jogo. Enquanto isso, estamos acompanhando a evolução dele e torcendo para melhorar”, disse o coordenador do departamento médico do Atlético, dr. Edílson Thiele.

O massagista folclórico do futebol paranaense está no Atlético há 19 anos e esteve presente nas principais conquistas do Furacão de 1993 para cá. Bolinha é muito querido pela torcida rubro-negra, que se mobiliza nas redes sociais para rezar e torcer pela recuperação dele.