Por Pedro Melo com informações de Felipe Dutra

Paulo Autuori criticou a falta de cartões para os jogadores chilenos. (Divulgação/Atlético)

O Atlético estava com o jogo praticamente ganho até os minutos finais, mas sofreu dois gols e ficou no empate em 2 a 2 com a Universidad Católica. Responsável por mudar o esquema tático após a saída de Otávio, o técnico Paulo Autuori assumiu a responsabilidade pelo tropeço na Arena da Baixada e admite que o Rubro-Negro merecia a vitória.

“O jogo estava ganho. Precisamos ter mais atenção e erramos duas vezes na saída de bola. Perdemos a capacidade de reação e botamos por água abaixo tudo aquilo que tínhamos construído. Vamos pensar no próximo jogo, mas claro que poderíamos ter saído daqui com a vitória”, comentou o técnico.

Assim como aconteceu na partida com o Deportivo Capiatá, na terceira fase preliminar, o Rubro-Negro deixou escapar a vitória nos minutos finais. Para Autuori, o time precisava ficar atento até o apito final para evitar novos tropeços. “A gente precisa ter mais o controle do jogo e não é normal na nossa equipe esse tipo de erro. Precisamos estar atentos nos minutos finais usando o campo de jogo do adversário e não errar em gols que o adversário tem o mérito só de colocar a bola para dentro”, lamentou.

Logo após o segundo gol marcado por Nikão, as câmeras da televisão flagraram Autuori provocando o adversário com gritos de “aqui não”. O comandante explicou que estava falando com os jogadores da Universidad Católica e ainda criticou a atuação do árbitro paraguaio Ulises Meireles. “Eu estava falando ‘aqui não’ porque jogadores dele fizeram muitas faltas e precisavam ser punidos de maneira diferente. O árbitro estava me pressionando bastante e a ideia era justamente dizer que não podia fazer isso”, afirmou.

O Atlético volta a campo pela Libertadores já no dia 15 de março para enfrentar o San Lorenzo, em Buenos Aires. “É um grupo equilibrado e agora cabe a nós fazer o resultado lá na Argentina contra o San Lorenzo. Sabemos que é muito difícil, mas vamos com o mesmo ânimo de trazer o mesmo resultado que trouxemos do Paraguai”, concluiu o técnico atleticano.

Confira a entrevista coletiva do técnico Paulo Autuori: