Por Rodrigo Dornelles

Uma vitória daquelas que o torcedor gosta. O Atlético voltou para Curitiba após uma dobradinha fora de casa e encostou no G4 do Brasileirão. O Furacão bateu o Peixe na Baixada com um gol de Paulo André no finalzinho da partida.

Em um primeiro tempo sem grande emoção, o Santos chegou a colocar duas bolas na trave do Atlético. Mas na etapa final o Furacão mudou, foi melhor, teve boas chances e marcou o gol da vitória no final. Aos 43 minutos, Paulo André subiu no terceiro andar para meter a cabeça na bola e garantir a vitória.

Paulo André garantiu vitória no final. (Divulgação/ Atlético)

Paulo André garantiu vitória no final. (Divulgação/ Atlético)

Com os três pontos, o Furacão chega aos 13 e tem agora o mesmo número de pontos do próprio Santos, que está em quarto lugar. Na próxima rodada, o Atlético encara a Chapecoense, fora de casa, quarta-feira (22). Já o Peixe tem seu próximo compromisso contra o Fluminense, fora de casa, também na quarta.

Poucas chances e trave rubro-negra

Foram poucas as ações ofensivas das duas equipes no primeiro tempo na Arena da Baixada. As duas equipes pouco criaram nos primeiros 45 minutos de jogo. O Atlético postado um pouco mais atrás, com o Santos trabalhando a bola, mas sem envolver a defesa rubro-negra.

Nas duas vezes em que chegou com perigo, o Peixe acertou a trave atleticana. Foram duas bolas no poste rubro-negro, salvando o Furacão de levar o primeiro gol. Do outro lado, a melhor chance rubro-negra foi com Giovanny, arriscando de fora da área.

Paulo André garante a festa no final

Logo nos primeiros minutos do segundo tempo, uma reclamação para cada lado, primeiro do Peixe, depois do Furacão. Os dois times ficaram reclamando de pênaltis, que não existiram. Aos 21 minutos de partida, o Rubro-negro quase abriu o placar após jogada pela esquerda, bola rolada por Ewandro para a área e finalização desviada de Vinícius, para fora.

Melhor em campo, o Furacão teve outra chance com Vinícius para abrir o placar. O meia foi lançado por Anderson Lopes e tocou na saída de Vanderlei, que fez ótima defesa. Pouco tempo depois, cruzamento da direita, Pablo pegou de primeira e acertou um lindo chute, ela tocou na trave do Peixe e saiu. No finalzinho, aos 43 minutos, Paulo André subiu no terceiro andar após cobrança de escanteio e colocou de cabeça no ângulo.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO 1×0 SANTOS

Local: Arena da Baixada, em Curitiba.
Data: 18 de junho de 2016.
Horário: 18h.

Atlético: Weverton; Léo, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Deivid, Otávio, Ewandro (Pablo), Walter (Vinícius) e Giovanny (Anderson Lopes); André Lima.
Técnico: Paulo Autuori.

Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Yuri e Zeca; Renato, Thiago Maia (Alisson), Léo Cittadini (Paulinho) e Vitor Bueno; Gabriel e Joel (Diogo Victor).
Técnico: Dorival Junior.

Cartões amarelos: Giovanny e Sidcley (CAP). Renato (SAN).
Gol:
Paulo André aos 43′ do segundo tempo (CAP).