Éderson se redimiu com a camisa do Atlético durante o estadual. (Geraldo Bubniak/AGB)

O Atlético foi campeão paranaense de 2018 com a melhor campanha entre os 12 participantes e perdeu apenas uma partida durante toda a competição. Artilheiro do estadual, o atacante Éderson declarou que a melhor equipe foi campeã e ainda cutucou o Coritiba que optou por uma estratégia mais defensiva durante a final.

“Só quero agradecer a Deus pela conquista. O melhor time foi campeão, o que propôs o jogo. O time que nunca se escondeu e mereceu o título”, afirmou Éderson, autor de oito gols durante o Campeonato Paranaense.

Depois de uma temporada ruim no ano passado, Éderson foi rebaixado para o time de aspirantes e rapidamente se recuperou em campo. Ele assumiu a camisa 9 logo no início do estadual e virou titular absoluto. As boas atuações renderam elogios da torcida e até oportunidade no grupo principal comandado por Fernando Diniz.

Porém, o estadual pode ser a reta final da história do atacante com a camisa do Atlético. Éderson tem contrato de empréstimo até o meio do ano e possui um dos salários mais altos do elenco. Ele já declarou publicamente que aceita reduzir o salário, mas sabe da dificuldade na permanência.

Confira declarações de outros jogadores do Atlético após a conquista: 

Goleiro Caio: “Meu primeiro no profissional e já consegui o título. Foi muito importante. Formamos um grupo maravilhoso e estou feliz demais”.

Volante Deivid: “Vou completar meu 13º ano no clube, é uma coroação enorme. Estou com contrato para acabar esse ano e nada mais que merecido esse título diante do torcedor. Esse clube é grande”

Lateral-esquerdo Renan Lodi: “Estou muito feliz. É meu aniversário hoje e não tem coisa melhor do que ser campeão”.

Meia João Pedro: “Final é isso. Às vezes não tá no melhor dia e faria tudo de novo se precisasse. Estou muito feliz com meu momento. Estou mostrando meu valor e quem não acredita em mim, f***”.

Zagueiro Émerson: “Graças a Deus deu certo. É ter tranquilidade e comemorar bastante. Enfrentamos uma excelente equipe e nada melhor que comemorar com a torcida”.

Zagueiro José Ivaldo: “Esse ano está sendo espetacular. Agora é comemorar hoje e amanhã é mudar o foco. Vamos ver quem vai subir para o time do Diniz”.

Zagueiro Léo Pereira: “Foi um sonho completo. Maior rival, a torcida nos apoiou desde o aquecimento e fez a diferença. A gente foi superior na maior parte do jogo e construiu o resultado”.

Volante Bruno Guimarães: “Estou muito feliz. Não tenho nem palavras para descrever esse momento. Seria muito injusto o time que perdeu um jogo não ser campeão”.