Por Esporte Banda B

Meia rubro-negro Luciano Cabral é suspeito de assassinato (Divulgação/Atlético)

O meia rubro-negro Luciano Cabral, de 21 anos, é procurado pela polícia de Mendoza, na Argentina, por suposto envolvimento no assassinato de um homem de 27 anos, após uma briga de rua, na madrugada do último domingo (1), na cidade de General Alvear, na província de Corrientes, na Argentina. Pai do jogador e um adolescente estão detidos.

De acordo com o jornal Dia del Sur, de Mendonza, o crime aconteceu na madrugada deste domingo (1), na cidade de Alvear, na província de Corrientes. Um homem de 27 anos teria sido espancado até a morte em uma briga de rua. Um dos suspeitos seria o meia Luciano Cabral, argentino naturalizado chileno, que pertence ao Argentinos Juniors e atualmente defende o Atlético por empréstimo.

Um homem de 44 anos e um adolescente de 17 anos teriam sido detidos. De acordo com o portal, um destes homens seria o pai do jogador, que passou a noite detido em San Rafael, na Argentina. O outro suspeito teria sido encaminhado para um abrigo para menores infratores da cidade. O meia Luciano Cabral segue aguardado pela justiça para prestar depoimento.