Nesta sexta-feira (19), o presidente do Atlético, Mário Celso Petraglia, concedeu uma entrevista coletiva à imprensa curitibana e falou sobre a parte de futebol do Furacão.

O presidente do Rubro-Negro lembrou sobre o empréstimo do estádio, e explicou que os valores impediram o negócio com o Paraná Clube. “Não tivemos como negociar com o Paraná, pois os valores que eles pretendiam nós não podíamos pagar. Eles ofereceram a Vila Olímpica, poderíamos até adaptar para usar aquele estádio, mas os valores pesaram novamente”, contou Petraglia.

Mário lembrou também sobre o planejamento que o Atlético utilizou no começo da temporada, e avisa que o futebol é ingrato. “Nós sabemos que no futebol, o que vale é resultado. Se ganhar você planejou, se você perder você errou”, lembrou o presidente.

Apesar de não falar sobre negociações que estão sendo feitas, o Petraglia garantiu que o clube ainda está pensando se irá ou não fazer uma contratação. “Nós estamos pensando ainda se vamos ou não contratar um treinador. Existem aquelas questões de que os que queremos estão empregados ou são muito caros”, disse Mário Celso.”Existe um grupo que está trabalhando e vendo estas alternativas de trazer um novo treinador. As alternativas são várias, e nós estamos analisando”, completou o presidente do Atlético, que também não disse se Ricardo Drubscky ficaria ou não no comando do time.

O presidente também garantiu que não existe nenhuma possibilidade do ex-técnico Juan Ramón Carrasco voltar ao clube. “Ele me ligou após ver uma enquete feita por torcedores, admitiu que errou e disse que estava disponível para voltar, mas não tem nenhuma chance”, finalizou.