Por João Pedro Alves

Titular absoluto do setor ofensivo rubro-negro, o atacante Marcelo desfalcará o Atlético no início da fase de grupos da Copa Libertadores. O camisa 7 teve uma lesão no tornozelo direito sentida na partida contra o Sporting Cristal confirmada nesta sexta-feira (7) e a previsão é que só volte a jogar em pelo menos quatro semanas, ficando de fora dos jogos contra o The Strongest (13/2) e o Vélez Sarsfield (26/2).

Marcelo

Marcelo ficará um mês sem jogar devido à lesão que sofreu contra o Sporting (Foto: Divulgação/Atlético)

A torção que resultou na contusão aconteceu aos 42 minutos do segundo tempo da partida em que o Furacão conquistou a vaga na fase de grupos da Libertadores, na última quarta-feira. Nos exames realizados nos últimos dias pelo departamento médico, foi diagnosticado um estiramento de dois ligamentos e um edema ósseo no tornozelo de Marcelo, que já iniciou o tratamento no CT do Caju.

Se o período de recuperação previsto pelo DM se confirmar, o atacante deve voltar à equipe apenas no dia 14 de março contra o Universitario, do Peru.

Com a baixa, o técnico Miguel Ángel Portugal terá que quebrar a cabeça para definir quem fará a função de Marcelo neste mês em que ficará longe dos gramados. As opções dentro do elenco rubro-negro são três: Douglas Coutinho, Bruno Mendes e Mosquito.

O tempo para o espanhol escolher quem será promovido ao time titular é curto, já que a partida contra o The Strongest está marcada para a próxima quinta-feira na Vila Capanema.