O ex-coordenador das categorias de base do Internacional foi contratado pelo Atlético há algumas semanas e na segunda-feira (17), foi finalmente apresentado e falou sobre o projeto Rubro-Negro.

Para Jorge, o que chamou a sua atenção para que viesse para Curitiba trabalhar no Atlético foi o projeto apresentado. “O projeto do presidente é ambicioso, que me seduziu e me deixou simplesmente maravilhado com as ideias”, contou o administrador, especilista em futebol e marketing esportivo.

Segundo Andrade, o presidente do Atlético, Mário Celso Petraglia, apresentou planos ambiciosos para o clube e ele quer fazer parte disto. “Eu acredito que o clube vai se tornar nos próximos anos um dos maiores do mundo, por todos os projetos que foram apresentados para mim. E esses projetos já estão sendo executados. Então isso foi o principal fator para vir trabalhar no CAP”, admitiu.

Quanto ao trabalho que irá exercer dentro do clube, Jorge Andrade não será apenas coordenador das categorias de base, mas também irá trabalhar em outras áreas, inclusive no futebol profissional. “Venho para tratar das questões de relacionamento com o mercado, de avaliações de jogadores, de parcerias nacionais com centros de treinamentos e para estar junto deles tocando o Departamento de Futebol”, garantiu.

Além disso, Jorge Andrade pediu apoio da torcida e disse que vai se esforçar para fazer um grande trabalho no Atlético. “A torcida pode esperar um profissional que se preparou. Eu vim para somar. Vim para fazer e para ajudar a fazer os projetos do presidente. E, com isso, tornar cada vez maior o CAP, tanto no sentido de subir para a Primeira Divisão, como no de formar atletas. Tornar o clube um dos mais conhecidos do mundo. Esses são alguns dos nossos objetivos”, finalizou.