Diniz elogiou superação e tranquilidade do grupo em classificação (Geraldo Bubniak/AGB/Estadão Conteúdo)

Mais do que pela classificação em si, a superação do Atlético dentro da partida e a busca do empate contra o São Paulo, deixou o técnico Fernando Diniz bastante satisfeito. Após a conquista da classificação às oitavas de final da Copa do Brasil, nesta quinta-feira (19), no Morumbi, o treinador enalteceu a atitude da equipe e vê o grupo com cada vez mais maturidade no decorrer dos jogos na temporada.

“Nós já mostramos que somos uma equipe forte e resiliente. Saímos perdendo no último jogo, contra um time que marcava atrás, e conseguimos reverter o placar. Temos que fazer uma coisa que é difícil de executar, mas que é ideia simples. Temos que jogar dentro das nossas características o tempo todo, pois a chance de vencermos dessa forma aumenta. Se você vai se perdendo, conforme o resultado for acontecendo, você vai ficando frágil e o adversário tende a crescer e se aproveitar disso”, comentou em entrevista coletiva após a classificação.

Depois de ter vencido o jogo de ida, o Atlético encontrou dificuldades e chegou a ver a vantagem ameaçada no primeiro tempo, quando o adversário abriu dois gols de diferença. O treinador crê que a postura do adversário forçou o time a mudar as suas características, mas destacou a recuperação na etapa final. “O São Paulo fez pressão na nossa saída de bola e a gente deixou de jogar de acordo com as nossas características no primeiro tempo. Preferimos um excesso de segurança que, na verdade, foi pelo contrário. Ficamos no meio do caminho entre jogar e não jogar. Isso foi o que mudou no segundo tempo. Tivemos mais coragem e isso ficou próximo do que o time é forte. Não sofremos riscos desnecessários lá atrás. Mas, quando a partida pede para jogarmos e dentro das nossas características nós optamos por fazer um jogo diferente, nós nos arriscamos muito mais”, avaliou.

Com a vaga garantida nas oitavas de final, o Atlético agora aguarda para saber quem irá enfrentar na próxima fase da competição, que pode iniciar já na próxima semana, dependendo de quem for o adversário. Diante da possibilidade de ter um mata-mata em poucos dias, Fernando Diniz não descarta poupar jogadores no duelo de domingo (22), diante do Grêmio, em Porto Alegre, pelo Brasileirão.”Vamos levar em consideração o que vai acontecer no sorteio. Temos dois dias para pensar, mas vamos considerá-lo”, afirmou “Tem tudo para ser um grande jogo. O Renato [Gaúcho], no momento, é o melhor treinador em atividade no futebol brasileiro na minha opinião.  Temos um super adversário, mas é muito bom jogar contra equipes que são qualificadas como o Grêmio”, concluiu.

Confira a entrevista coletiva do técnico Fernando Diniz:

Coletiva Fernando Diniz

Posted by Portal Banda B on Thursday, April 19, 2018