Ziquita não está andando após sofrer o AVC hemorrágico. (Arquivo pessoal)

Uma das maiores lendas do Atlético, o ex-atacante Ziquita precisa de ajuda financeira para se recuperar de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico, sofrido no dia 08 de junho do ano passado. O ídolo atleticano ficou com o lado direito todo paralisado e ainda luta para voltar a andar.

“Ziquita sempre foi uma pessoa muito ativa. Uns meses atrás gostava de se dedicar ao futebol com as crianças e de repente sofreu o AVC no dia 08 de junho. Ele teve esse AVC hemorrágico, perdeu os movimentos do lado direito e a memória está falha em relação a fala. Graças a Deus, em relação a que ele passou, já está bem melhor. Porém, ele não anda. A esperança continua”, explicou a esposa do ex-atacante, em entrevista à Banda B.

Ziquita foi jogador de futebol, com passagens por clubes de São Paulo, Minas Gerais e até pelo futebol chileno. O grande momento de sua carreira foi a camisa do Atlético, quando marcou quatro gols em apenas 12 minutos e empatou a partida em 4 a 4 com o Colorado, no dia 05 de novembro de 1978.

O grande problema é que nunca recolheu o INSS e não conseguiu a aposentadoria. Com isso, o tratamento, com custo elevado, é bancado apenas por sua esposa, que é professora aposentada. “A gente não está passando fome e dificuldade em relação a alimentação. Eu sou aposentada, a que comanda tudo sozinha porque o Ziquita trabalhou dois anos após parar de jogar por trombose e nunca mais trabalhou. Não me interessei em pagar o INSS e depois do acidente um advogado me falou que deveria ter pagado. Os 12 anos que ele tinha de INSS foi da carreira dele. A gente está na luta, mas ele não tem direito a se aposentar pela idade, nem pelo tempo”, comentou Maria da Graça.

“Queria investir no tratamento, fisioterapeuta por mais tempo e fonoaudiólogo para melhorar a fala. O fisioterapeuta vindo em casa se dedica por mais tempo. Quero que ele ande o mais rápido possível”, acrescentou a esposa do ex-jogador.

O caso repercutiu muito no estado do Paraná, principalmente pela torcida do Atlético, nas últimas horas e Ziquita agradeceu todo o carinho. “Tenho um respeito muito grande e estou agradecido”, disse.

Confira todos os dados para ajudar Ziquita:
Banco Itaú
Agência 3180/Conta 09597-2
Beneficiária: Maria da Graça Duarte Costa
CPF: 64354113600