Após a vitória suada por 1 a 0 em cima do ASA, o técnico Ricardo Drubscky falou sobre as dificuldades que o Atlético enfrentou para vencer a equipe alagoana e ainda elogiou o meia Paulo Baier, que entrou no decorrer do duelo e marcou o único gol da partida, aos 39 da etapa final.

“O jogo foi muito truncado. Tivemos muitas dificuldades para infiltrar na área deles. O Paulo é um jogador consagrado, que a gente respeita muito. É sempre importante ter um atleta com esse perfil no grupo. A gente põe ele no jogo sabendo que coisas boas virão”, disse o treinador.

Na visão de Drubscky, o ASA veio para Paranaguá com o intuito de se defender e arrancar um empate com o Furacão, o que dificultou o desempenho do Atlético.”A equipe não se apavorou em momento nenhum. Deixamos a desejar na questão de sermos mais agressivos, mas a equipe tentou jogar. A gente tentou fazer um jogo inteligente, com posse de bola e vamos crescer cada vez mais nesse quesito”, completou.

Por fim, ele classificou a vitória desta noite como um triunfo com cara da Série B do Campeonato Brasileiro. “Foi uma vitória típica de Série B, difícil, com uma jogada que decide a partida”, disse.”Já perdemos muitos pontos em casa e isso não pode mais acontecer”, completou Drubscky.