Felipe Gedoz volta a ficar à disposição para duelo contra o Corinthians (Monique Vilela/Banda B)

Pouco aproveitado pelo técnico Fernando Diniz no Atlético, o atacante Felipe Gedoz desabafou nas redes sociais e mostrou insatisfação com os comentários sobre a sua forma física. O jogador ficou de fora da lista de relacionados na partida que classificou o Furacão para as oitavas de final da Copa do Brasil.

“Eu realmente não sei o que falar… Eu faço o meu trabalho com todo amor e dedicação do mundo. Eu amo o que faço e se eu pudesse, jogaria futebol 24h  por dia. Faço tudo como tem que ser feito e não desrespeito ninguém. Alguns bocudos falam que não tenho disciplina, que vou para festa, que bebo isso e aquilo. Hoje, graças a Deus estou casado e graças a Deus, essa vida “podre” de festa não entra mais na minha vida. Fama de cachaceiro veio de pessoas mau caráter que estavam dentro de minha casa fazendo absurdos, mas que graças a Deus me livrei”, disse o camisa 10.

“Estou no Atlético porque gosto desse clube, caso contrário não estaria mais. Essa torcida é sensacional, sem palavras e estou também por ela! Enfim, no mais, estou bem em todos os sentidos, mentalmente, fisicamente e espiritualmente. Por favor, não julguem sem saber!”, acrescentou Felipe Gedoz.

O atacante foi contratado pelo Atlético no ano passado por R$ 5 milhões. Sob o comando de Fernando Diniz, ele jogou em apenas três partidas e marcou um gol, o da classificação sobre o Tubarão por 5 a 4, ainda na segunda fase da Copa do Brasil.

Confira o desabafo de Felipe Gedoz:

(Reprodução/Instagram)