Por Pedro Melo com informações de Felipe Dutra

Eduardo da Silva ainda não tem data para estrear pelo Atlético. (Fábio Wosniak/Atlético)

O atacante Eduardo da Silva foi apresentado oficialmente como novo reforço do Atlético e será uma das novidades na lista para a fase de grupos da Libertadores. O experiente jogador de 34 anos chega com um discurso otimista e quer ganhar títulos pelo seu novo clube.

“Em todos os cubes que passei, conquistei títulos. Espero que esse ano seja ‘normal’ e aconteça o mesmo aqui no Atlético”, declarou Eduardo da Silva.

Durante a carreira, o brasileiro naturalizado croata já disputou Liga dos Campeões, por Arsenal e Shakthar Donetsk, Eurocopa e Copa do Mundo, pela seleção croata. Agora, disputará a primeira vez a Copa Libertadores. “A Libertadores é um grande torneio mundial. Eu acompanhava de fora e claro que a Libertadores é um sonho para qualquer jogador. Chegar à final, ser campeão é um sonho de qualquer jogador. É um torneio diferente do que qualquer outro. Atlético tem grandes possibilidades de fazer história na Libertadores”, comentou.

Sem jogar desde o dia 04 desde dezembro, quando fez sua última partida pelo Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, o atacante admite que ainda precisa de um tempo para ficar em forma e deixa nas mãos do técnico Paulo Autuori a data de estreia. “Meu último jogo foi em dezembro. Depois, entrei de férias por mês. Fiquei mais um mês negociando com o Atlético. São dois meses sem jogar, mas eu treinei particularmente com um ‘personal’. Não é um mesmo treino como em campo. É difícil de falar [uma data], mas eu me sinto bem”, declarou.

“Eu preciso mais de treinos com bola e algumas atividades físicas em campo, nos treinamentos. Não sei quando vou retornar. O Paulo Autuori deve decidir e vai sentir quando farei a minha estreia”, acrescentou o novo jogador atleticano.