Destaque do Atlético na reta final do Campeonato Brasileiro, o volante Marcelo Oliveira pertence ao Corinthians e seu contrato com o Furacão encerra agora em dezembro. De férias em Piracicaba, interior paulista, o jogador diz que ainda não definiu seu futuro, mas garante que quer permanecer no Rubro-Negro e jogar a Série B com a camisa atleticana.

“Eu recebi muitos elogios pelo meu trabalho, fico feliz, mas não 100% feliz. Preferia não ter me destacado tanto e mantido o Atlético na primeira divisão”, afirmou Marcelo Oliveira.”Independente da divisão, se eu tiver oportunidade de ficar no Atlético, eu quero ficar sim. A torcida pode ter certeza que eu fico com muita alegria para hornar a camisa do Atlético. Mas ainda não tem nada definido, meu agente vai cuidar do meu futuro”, completou o volante.

Muito criticado logo que chegou ao Atlético, Marcelo Oliveira passou a se destacar após a chegada do técnico Antônio Lopes, a quem o jogador só faz elogios: “Tive boas oportunidades com o Antônio Lopes e tenho muito que agradecer a ele. Infelizmente não livramos o Atlético da Segunda Divisão. Acredito até hoje que a gente não merecia isso, fico feliz pelo trabalho que eu fiz, mas triste pelo rebaixamento do Atlético, não era isso que eu queria e tenho certeza que o Atlético volta ano que vem”.

Ainda em entrevista à rádio Banda B, o atleta revelou qual fator foi determinante para a queda rubro-negra para a Série B.”Quando muda muito de treinador, dificulta um pouco, porque a gente leva um tempo para se adaptar à nova forma de trabalho. Mas o começo foi muito ruim, apenas um ponto em oito rodadas, e na minha opinião, o começo do campeonato que complicou, porque a gente não podia mais errar depois e isso nos prejudicou muito, porque erros aconteceram”, finalizou Marcelo Oliveira.