Um dos destaques do Atlético na temporada 2011, o volante Deivid tem sido peça fundamental na arrancada do Furacão no Campeonato Brasileiro. Forte na marcação e preciso nos passes, o jovem atleta logo caiu nas graças da torcida-rubra e virou titular absoluto no esquema tático montado pelo técnico Renato Gaúcho.

No fim do jogo desta quarta-feira, diante do Cruzeiro, Deivid recebeu o terceiro cartão amarelo e fica de fora da partida do próximo domingo, contra o América-MG, novamente na Arena da Baixada. Após o duelo de ontem (que terminou com vitória rubro-negra por 2 a 1), o volante admitiu que forçou a suspensão automática para não enfrentar o Coelho e garantir sua presença no clássico Atletiba, dia 27 de agosto, no Couto Pereira, último jogo do primeiro turno do Brasileirão.

“O cartão foi forçado sim, o professor Renato pediu pra eu levar o cartão no fim do jogo pra estar descandado pro Atletiba”, afirmou Deivid, que revelou ainda a maneira como Renato Gaúcho gosta de posicioná-lo em campo.”O Renato gosta que eu segure um pouco mais e proteja mais a zaga”, completou o volante, revelado nas categorias de base do Furacão.

O zagueiro Manoel é outro atleta que está pendurado com dois cartões amarelos, e caso seja advertido na partida contra o Coelho, fica de fora do clássico Atletiba. O elenco atleticano já se reapresentou nesta quinta-feira, e partir de amanhã, o técnico Renato Gaúcho começa a preparar a equipe que enfrenta o América-MG, lanterna do Brasileirão.