Fernando Diniz não descarta mudanças para o jogo contra o Atlético-MG (Geraldo Bubniak/AGB/Estadão Conteúdo)

Com a classificação na Copa Sul-Americana, garantida mesmo com o revés para o Newell’s Old Boys, nesta quinta-feira (10), na Argentina, o Atlético volta as suas atenções para os dois jogos que terá pela frente nos próximos seis dias. Aliviado com a vaga na competição, o técnico Fernando Diniz não descarta poupar os jogadores, no domingo (13), pelo Campeonato Brasileiro, já visando mais um jogo de mata-mata, da próxima quarta-feira (16), contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil.

“A gente vai saber se vai poupar ou não só no sábado. Quem estiver com boas condições de jogar sem comprometer a partida de quarta-feira pela Copa do Brasil, vamos procurar levar a campo”, afirmou o treinador em entrevista coletiva. “O time titular está sempre aberto. Achamos a melhor a formação para esse jogo, fizemos as trocas que achamos necessárias. Mas não tem titular absoluto. Aqueles que acharmos que estão os melhores para jogar, vão atuar”, acrescentou.

Em um jogo complicado, com campo pesado por conta da forte chuva, o Atlético viu o adversário abrir dois gols e ameaçar a vantagem da partida de ida. “O importante era a classificação. A gente sabia que o jogo seria difícil, que seria totalmente diferente de como foi na Arena. O campo pesado comprometeu o nosso jogo, a nossa equipe se descuidou em alguns momentos e acabou sofrendo os gols. Soubemos fazer o nosso gol e podíamos até ter empatado na parte final. O time está de parabéns por isso”, enalteceu o comandante.

A derrota para o Newell’s completou o quinto jogo consecutivo do Furacão sem vitórias e a segunda derrota seguida. Mesmo com o revés, Fernando Diniz minimizou os resultados e não acredita que possam incomodar o time e criar pressão para a sequência.

“Não afeta de forma nenhuma. A gente tem que saber desconectar uma competição e de outra. Hoje o importante era classificar. Tivemos a derrota em casa e viemos de dois empates fora, contra grandes adversários, que temos que saber contextualizar. Vamos buscar vencer, mas sempre temos que procurar melhorar o rendimento da equipe. Esse é o meu foco. Tivemos alguns erros e vamos tentar corrigir para o jogo contra o Atlético-MG”, finalizou o treinador.

O Atlético volta a campo no próximo domingo (13), às 19h, quando vai receber o Atlético-MG, na Arena da Baixada, pela quinta rodada do Brasileirão. O jogo contra o Cruzeiro, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, será na quarta-feira (16), às 21h45, em novo compromisso dentro de casa.

Confira a entrevista coletiva do técnico Fernando Diniz: 

Coletiva Diniz

Posted by Portal Banda B on Thursday, May 10, 2018