Por Pedro Melo com informações de Felipe Dutra

Douglas Coutinho reestreou pelo Atlético na última rodada contra o Prudentópolis. (Fábio Wosniak/Atlético)

O atacante Douglas Coutinho está recomeçando a sua carreira depois de uma passagem apagada por Cruzeiro e Braga, de Portugal, do ano passado. Em sua segunda passagem pelo Atlético, o jovem jogador de 23 anos será um dos mais experientes no time rubro-negro que vai disputar o clássico Atletiba neste domingo (19).

“É o meu retorno para casa e nada melhor que voltar e pegar ritmo e jogar um clássico. Sei das minhas qualidades e o time vai ajudar bastante. Não tenho que entrar atropelando as coisas de recuperar da noite para o dia que não vai ser assim. Tem que ter calma e sabedoria em não querer adiantar as coisas no treinamento para não ter uma lesão e acompanhar as logísticas do clube. Estou me dedicando bastante e mudei minha cabeça depois das minhas passagens por Cruzeiro e Braga”, destacou o atacante.

É justamente essa dedicação que rendeu muitos elogios do técnico Paulo Autuori para o atacante. “Tenho falado bastante com o Coutinho da maneira que tem treinado e se comportado no dia a dia. Muito bom ouvir essas palavras de um profissional novo com ele. Já parabenizei e, de novo aqui, parabeniza-lo de novo e desejar muitas felicidades porque tem um potencial enorme”, ressaltou.

Ainda quando o Furacão disputava o estadual com uma equipe sub-23, Douglas Coutinho teve a oportunidade de disputar sete vezes o Atletiba e espera ter o mesmo sucesso dos clássicos anteriores. “Foram sete Atletibas que eu disputei. Comecei muito novo e vivi a situação que muitos jogadores estão vivendo agora. Foi uma situação muito boa ainda mais para os jogadores mais jovens que estão disputando esse clássico que pode mudar a vida de todo mundo. É bom relembrar as vitórias que tivemos no clássico e colocar em prática tudo que vivi para ter um resultado positivo”, comentou.