Atlético utilizou equipe de aspirantes no Campeonato Paranaense. (Geraldo Bubniak/Estadão Conteúdo)

O Atlético utilizou mais uma vez o Campeonato Paranaense como laboratório para a equipe principal e também para dar maturidade aos jovens jogadores das categorias de base. Após a conquista do estadual, os atletas passam a ficar a a disposição do técnico Fernando Diniz para a sequência da temporada.

A Banda B selecionou cinco jogadores que se destacaram no Campeonato Paranaense e podem ser aproveitados por Fernando Diniz:

Atacante Éderson

Éderson foi rebaixado para a equipe de aspirantes e recuperou o desempenho em campo. Artilheiro do Campeonato Paranaense, o atacante participou das 16 partidas no estadual e marcou nove gols. Entretanto, ainda não sabe o seu futuro com a camisa atleticana. O contrato de empréstimo vence no dia 30 de junho e o camisa 9 já até admitiu que aceita reduzir o salário para permanecer.

Meia João Pedro

Considerado um dos principais nomes da conquista atletiacna, o meia João Pedro também participou das 16 partidas do estadual. Ele marcou quatro gols e deu cinco assistências. Porém, ainda não foi aproveitado pelo técnico Fernando Diniz e desabafou após o título. “Estou muito feliz com meu momento. Estou mostrando meu valor e quem não acredita em mim, f***”.

Volante Bruno Guimarães

Bruno Guimarães foi um dos jogadores que alternou entre o time do estadual e treinamentos no grupo principal com Fernando Diniz. O volante rapidamente virou o dono do meio-campo e se tornou um dos principais jogadores do elenco. Durante a competição, o Atlético comprou os direitos econômicos e fechou contrato com o atleta até o final de 2021.

Volante Deivid

Pouco aproveitado no elenco principal, o experiente Deivid aproveitou a oportunidade no grupo principal e liderou em campo o time campeão estadual. “Vou completar meu 13º ano no clube, é uma coroação enorme. Estou com contrato para acabar esse ano e nada mais que merecido esse título diante do torcedor. Esse clube é grande”.

Lateral-esquerdo Renan Lodi 

O jovem lateral Renan Lodi aproveitou a primeira sequência de jogos com a camisa do Atlético no profissional e se tornou o dono da posição pelo lado esquerdo. Ele também virou reserva imediato de Thiago Carleto após a saída de Sidcley para o Corinthians

Também fique de olho

Outros nomes como o zagueiro José Ivaldo, o meia Matheus Anjos e o atacante Marcinho também se destacaram com a camisa atleticana e trabalharam com o grupo principal durante o primeiro trimestre da temporada. O trio também deve seguir sob o comando de Fernando Diniz.