O Atlético tem três batalhas pela frente para evitar uma queda para a Série B depois de 16 anos jogando a primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Se o futuro rubro-negro ainda é incerto, uma coisa a diretoria já tem garantida por parte da Rede Globo. Caso o Furacão seja rebaixado, não verá diminuir as cotas de TV para a próxima temporada.

De acordo com informações do UOL Esporte, a Globo garantiu aPalmeiras, Bahia, Atlético-MG, Cruzeiro e Atlético-PR que não haverá redução nas cotas de TV caso algum desses clubes seja rebaixado para a Série B. O valor só diminuirá se a equipe permanecer na segunda divisão em 2013, 2014 e 2015.

Ao jogar a Série B em 2012, o clube recebe da Rede Globo a mesma quantia que receberia caso estivesse na Série A. Mas se ficar na segunda divisão em 2013, recebe75% da cota, e esse valor caipara 50% em 2014 e 25% em 2015. Esse novo modelo de cotas de televisão foi implantado este ano, quando as equipes passaram a negociar diretamente com a Globo. Quando a negociação era feita pelo Clube dos 13, ao ser rebaixado, um time perdia automaticamente 50% da cota de TV.

Como bem explicou odiretor da Globo Esportes, Marcelo Campos Pinto, cair para a Série B não significa que um clube não terá mais jogos passando na televisão aberta, pois é certo que uma partida terá transmissão nacional na Band (que em 2011 passou a transmitir duelos da Série B) e ao menos três jogos televisionados regionalmente pela Globo aos sábados.

Isso significa que, caso o Atlético acabe rebaixado para a Série B, não terá prejuízo nas cotas de televisão e receberá a mesma quantia do contrato assinado este ano com a Rede Globo.