Por João Pedro Alves

Não tem mais jeito, para o Atlético a única coisa que interessa é vencer para o sonho da Libertadores não acabar prematuramente. Depois da derrota da última semana por 2 a 1 em Lima, no Peru, os rubro-negros sobem ao gramado da Vila Capanema às 22h desta quarta-feira (5) precisando de uma vitória simples sobre o Sporting Cristal para reverter a desvantagem e se classificar para o Grupo 1 da principal competição do continente junto com Vélez Sarsfield (Argentina), Universitário (Peru) e The Strongest (Bolívia).

Apesar da derrota, o gol marcado fora de casa foi importante e faz com o Furacão possa vencer por 1 a 0 para seguir vivo na Libertadores e garantir calendário para o elenco principal neste primeiro semestre: como o sub-23 está disputando o Paranaense, os titulares só voltariam a jogar oficialmente no final de abril, quando se inicia o Campeonato Brasileiro.

Dupla Ederson-Marcelo é a esperança de gols do Furacão mais uma vez (Foto: Divulgação/Atlético)

Dupla Ederson-Marcelo é a esperança de gols do Furacão mais uma vez (Foto: Divulgação/Atlético)

Como o Atlético precisa correr atrás do resultado e marcar gols para evitar uma eliminação precoce logo na primeira partida do ano diante do torcedor, o técnico Miguel Ángel Portugal deve colocar um time mais ofensivo que no jogo de Lima. A probabilidade é que o meia Fran Mérida ou o atacante Douglas Coutinho ganhem a vaga de um dos três volantes rubro-negros – Deivid, João Paulo ou Paulinho Dias.

Essa indefinição no meio-campo só acabará minutos antes do pontapé inicial, quando Portugal soltar a escalação oficial. Mas uma mudança já foi confirmada pelo treinador espanhol antecipadamente. Diferente do primeiro encontro com os peruanos, nenhuma improvisação será feita: o lateral-direito Sueliton jogará em sua posição de origem, e não mais no meio-campo, no lugar de Paulinho Dias.

Em busca da classificação, o Atlético deve ser formado inicialmente por Weverton; Sueliton, Manoel, Cleberson e Natanael; Deivid, João Paulo, Paulinho Dias (Fran Mérida ou Douglas Coutinho) e Zezinho; Marcelo e Ederson.

Em vantagem, Sporting tem mudança para decisão

Assim como o Atlético, o Sporting Cristal também terá mudança para o jogo desta noite. Em relação à partida da ida, o técnico argentino Daniel Ahmed deve mudar o esquema tático da equipe peruana do 3-5-2 para o 4-4-2. Para isso, o lateral-direito Luis Advíncula, ex-Ponte Preta, entra jogando no lugar do zagueiro Ortiz.

Uma notícia ruim para os rubro-negros é que o capitão Carlos Lobatón, melhor jogador em Lima, e o atacante Irven Ávila, artilheiro dos “Cerveceros” que marcou um gol na primeira partida, estarão em campo na Vila Capanema.

Assim, o Sporting começa a partida com Diego Penny; Luis Advíncula, Balbín, Delgado e Cossio; Cazulo, Calcaterra, Yotún e Lobatón; Leguizamón e Irven Ávila.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO X SPORTING CRISTAL

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR).
Data: 5 de fevereiro de 2014, quarta-feira.
Horário: 22h.

Atlético: Weverton; Sueliton, Manoel, Cleberson e Natanael; Deivid, João Paulo, Paulinho Dias (Fran Mérida ou Douglas Coutinho) e Zezinho; Marcelo e Ederson.
Técnico: Miguel Ángel Portugal.

Sporting Cristal: Diego Penny; Luis Advíncula, Balbín, Delgado e Cossio; Jorge Cazulo, Calcaterra, Yotún e Carlos Lobatón; Leandro Leguzamón e Irven Ávila.
Técnico: Daniel Ahmed.