Divulgação/Atlético Paranaense
Em boa fase, Guerrón vai ter como companheiro de ataque o uruguaio Morro García

O técnico Antônio Lopes comandou nesta terça-feira (20) o último treinamento do Furacão antes da partida contra o Bahia. Ainda na expectativa pelo resultado do julgamento pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) do volante Cleber Santana, o time deverá ter ataque internacional para o jogo desta quarta-feira (21), com o uruguaio Morro García e o equatoriano Guerrón.

Essencialmente, a equipe que vai a campo no Estádio do Pituaçu deverá ter Renan Rocha; Edílson, Manoel, Rafael Santos e Héracles; Deivid, Renan (Cleber Santana, caso não seja punido), Marcelo Oliveira e Paulo Baier; Morro García e Guerrón. No retrospecto, Atlético e Bahia se encontraram 19 vezes e, destas, o Furacão venceu nove, empatou cinco e perdeu cinco vezes.

No confronto válido pelo primeiro turno do Brasileirão, foi o Tricolor de Aço quem levou a melhor, vencendo por 2 a 0, em plena Arena da Baixada. O ataque atleticano, porém, quer usar as lembranças da sonora goleada por 5 a 0, ainda pela Copa do Brasil, para desbancar o concorrente direto na luta contra o rebaixamento.

A Banda B transmite Bahia x Atlético nesta quarta-feira (21), a partir das 20h com narração de Jaques Santos.