O Atlético finalmante conseguiu desfazer o negócio com o Nacional, em que levou o atacante Santiago “El Morro” García para Curitiba. Após este anúncio, segundo o jornalista Leonardo Mendes Júnior, o Furacão irá entrar com um processo contra o ex-presidente Marcos Malucelli.

Segundo o blog do jornalista, o valor pago ao empresário do jogador foi muito alto, bastante acima do valor de mercado, e por isso, o clube pede para que Marcos Malucelli devolver o dinheiro gasto com a empresa Guardian Universal Limited, de Daniel Fonseca, investidor do Nacional e empresário de Morro Garcia.

Além de Marcos Malucelli, os dirigentes Enio Fórnea, Alfredo Ibiapina, Renato Munhoz da Rocha e Maria Aparecida Gonçalves serão incluídos no processo judicial.