Por João Pedro Alves

Um jogo de desesperados, assim pode ser classificado o encontro entre Atlético e Arapongas deste domingo (23) no Ecoestádio Janguito Malucelli. O início Campeonato Paranaense não foi nada bom para os adversários de logo mais e ambos chegam a esta 8ª rodada dentro da zona do temido “torneio da morte” que decidirá os dois rebaixados. Uma vitória não garante a saída da área da degola, mas melhora a condição e dá uma esperança maior para esta reta final.

Entre os dois times, é Atlético que está em pior situação. O sub-23 rubro-negro não se acertou como no último ano e atualmente é o vice-lanterna do estadual com apenas seis pontos em sete partidas e uma única vitória na temporada. A aposta do Furacão para deixar o Z4 é a sequência de jogos “caseira” que tem até o fim desta primeira fase. Mas tem que fazer virar realidade e começar a vencer – e nada melhor que em um duelo de “seis pontos” como esse.

O time atleticano que tem a missão de vencer o Arapongas tem duas mudanças em relação à formação que ficou no empate com o Londrina no meio de semana. O técnico Dejan Petkovic não poderá contar com o zagueiro Ricardo Silva, expulso na última rodada, e a vaga é disputada por Erwin e Tárik. A outra alteração é no ataque, com a entrada de Taiberson no lugar de Dominic.

Com isso, o Atlético vai para o confronto direto da parte de baixo da tabela escalado com Rodolfo; Mário Sérgio, Erwin, Lucas Alves e Sidcley; Otávio, Hernani, Zezinho e Marcos Guilherme; Crislan e Taiberson.

A partida entre Atlético e Arapongas está marcada para as 18h30 deste domingo no Ecoestádio Janguito Malucelli, em Curitiba.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO X ARAPONGAS

Local: Ecoestádio Janguito Malucelli, em Curitiba (PR).
Data: 23 de fevereiro de 2014, domingo.
Horário: 18h30.

Atlético: Rodolfo; Mário Sérgio, Erwin, Lucas Alves e Sidcley; Otávio, Hernani, Zezinho e Marcos Guilherme; Crislan e Taiberson. 
Técnico: Dejan Petkovic.

Arapongas: Edson; Biel, Leomar, Murilo e Manin (Alexandre); Augusto, Bruno Martins, Maicon Souza e Ruy; Vinícius e Jorge Elias.
Técnico: Leandro Niehues.