Fagner está liberado para a convocação de Tite. (Lucas Figueiredo/CBF)
O médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, foi ao centro de treinamento do Corinthians neste domingo avaliar a situação clínica do lateral-direito Fagner, que se recupera de lesão do músculo posterior da coxa direita. E o prognóstico foi positivo: o atleta evolui bem e terá condições de jogar a Copa do Mundo da Rússia.

A avaliação ocorreu um dia antes de Tite anunciar a lista de convocados para a Copa do Mundo. A presença de Fagner se tornou crucial depois de Daniel Alves sofrer uma grave lesão no ligamento cruzado anterior do seu joelho direito. O jogador do Corinthians, assim, se tornou um dos favoritos para ser o titular da posição.

Lasmar esteve acompanhado neste domingo de Edu Gaspar, coordenador de seleções. E, junto ao médico do Corinthians, Joaquim Grava, e ao fisioterapeuta do clube e da Seleção, Caio Mello, foi constatada a boa evolução na recuperação da lesão.

“Após a realização dos exames, Rodrigo e Edu entraram em contato com o técnico Tite passando a mensagem de que Fagner reúne condições de plena recuperação até a Copa do Mundo”, informou a CBF em nota.

No sábado, após também avaliar Neymar, Lasmar já havia constatado que o atacante está recuperado de sua cirurgia no quinto metatarso do pé direito. O astro do Paris Saint-Germain, assim, também deve chegar em plenas condições ao Mundial.

Com a provável presença de Neymar e Fagner, a convocação da seleção brasileira será realizada nesta segunda-feira. O Brasil estreia no dia 17 de junho, em Rostov, contra a Suíça. Antes disso, o time de Tite se reúne a partir do dia 21 de maio na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), para o início da preparação. Depois, a delegação embarca para Londres, onde faz sua primeira parada antes de chegar à Rússia.