Seleção inglesa está convocada para a Copa do Mundo (Reprodução/Facebook/The FA)
O técnico da seleção da Inglaterra, Gareth Southgate, deixou Joe Hart e Jack Wilshere fora da lista de convocados para a Copa do Mundo, anunciada nesta quinta-feira, e incluiu o jovem lateral-direito Trent Alexander-Arnold, de apenas 19 anos e que vem se destacando nesta temporada pelo Liverpool.

Southgate manteve os seus princípios ao selecionar um grupo jovem e com atletas considerados polivalentes em sua relação de 23 nomes, que podem se encaixar em uma variedade de formações táticas, mas que também possuem pouca experiência em grandes torneios internacionais.

Hart foi o goleiro titular da Inglaterra na Copa do Mundo de 2014 e nas duas últimas edições da Eurocopa, status que manteve com Southgate até o ano passado. Porém, ele agora foi preterido, com o treinador optando por Jordan Pickford, Jack Butland e Nick Pope, depois de cometer falhas e até perder a titularidade no West Ham, clube para o qual estava emprestado pelo Manchester City.

“Temos outros três goleiros que tiveram temporadas muito boas e a decisão que tive de tomar foi: ‘Eu mantenho Joe e tenho experiência no grupo ou dou uma chance aos três caras que tiveram uma temporada melhor?'”, disse Southgate. “Sentimos que todos os jogadores precisavam estar na lista pelo mérito depois de suas apresentações nesta temporada.”

Wilshere não atua pela Inglaterra desde una das mais humilhantes derrotas da história da seleção, o triunfo por 2 a 1 da Islândia nas oitavas de final da Eurocopa de 2016, e teve outra temporada cheia de lesões no Arsenal.

Southgate, em vez disso, confiou em Jordan Henderson, Eric Dier, Ruben Loftus-Cheek, Jesse Lingard e Fabian Delph como meias. Nesta temporada, porém, Delph jogou mais como lateral-esquerdo no Manchester City, tendo faturado o título do Campeonato Inglês

Alexander-Arnold fez a sua estreia entre os profissionais do Liverpool há apenas 17 meses. Agora, ele se prepara para marcar Cristiano Ronaldo na decisão da Liga dos Campeões da Europa contra o Real Madrid na próxima semana e depois vai disputar a Copa do Mundo. O jovem ainda não atuou pela seleção inglesa, embora tenha sido convidado para um período de treinos da equipe em março.

Danny Rose é um dos dois laterais-esquerdos, juntamente com Ashley Young, apesar de ter sido titular em apenas nove jogos pelo Tottenham nesta temporada por causa de lesões. A inclusão de jogadores versáteis como Young, Alexander-Arnold e Delph

fornece opções para Southgate, que já utilizou o time nos esquemas 4-3-3, 3-4-3 e 3-5-2 em 18 meses à frente da seleção.

Hoje a 13ª colocada no ranking da Fifa, a Inglaterra fará amistosos com Nigéria e Costa Rica em 2 e 7 de junho, respectivamente. A equipe estreará no Grupo G da Copa do Mundo no dia 18, contra a Tunísia. Depois, enfrentará o Panamá, no dia 24, e a Bélgica, no dia 28.

Confira a lista de convocados da seleção inglesa: 

Goleiros: Jack Butland (Stoke), Jordan Pickford (Everton), Nick Pope (Burnley).

Defensores: Trent Alexander-Arnold (Liverpool), Kieran Trippier (Tottenham), Danny Rose (Tottenham), Ashley Young (Manchester United), Fabian Delph (Manchester City), Kyle Walker (Manchester City), John Stones (Manchester City), Harry Maguire (Leicester), Gary Cahill (Chelsea), Phil Jones (Manchester United).

Meio-campistas: Eric Dier (Tottenham), Jesse Lingard (Manchester United), Ruben Loftus-Cheek (Chelsea) Dele Alli (Tottenham), Jordan Henderson (Liverpool).

Atacantes: Harry Kane (Tottenham), Jamie Vardy (Leicester), Marcus Rashford (Manchester United), Raheem Sterling (Manchester City), Danny Welbeck (Arsenal).