13 títulos em quatro temporadas, sendo três Campeonatos Espanhol, três Supercopas da Espanha, duas Ligas dos Campeões, dois Mundiais de Clubes, duas Supercopas da Europa e uma Copa do Rei. Os números motivam a campanha que tomou conta das redes sociais após o anúncio da saída de Pep Guardiola do comando do Barcelona, nesta sexta-feira (27), e pede a contratação do treinador para a Seleção Brasileira.

Reprodução
Fenômeno conquistou legião de fãs no Brasil

O assunto foi um dos mais comentados do Twitter por meio do tópico #GuardiolaNaSelecao e imagens como a da lateral da página foram compartilhadas por muitos usuários no Facebook, que também abriga uma página especial para a campanha.

O futebol arte que os torcedores pedem na Seleção Brasileira foi uma das marcas de Guardiola no comando do clube catalão. No entanto, o fenômeno extrapolou as quatro linhas e deu origem a vários livros que exaltam o trabalho de Pep no Barcelona. No Brasil, o jornal Folha de São Paulo publicou um perfil do treinador no seu caderno ilustríssima. A reportagem recomenda a leitura que pode ser feita clicando aqui.

Opine: você gostaria de ver Josep Guardiola comandando a Seleção Brasileira?