O Caxias vem do Rio Grande do Sul com uma missão difícil: tirar do Coritiba uma invencibilidade que já dura 23 partidas, 18 delas, inclusive, consecutivas. E a palavra que define o time gaúcho para o primeiro confronto válido pelas oitavas de final da Copa do Brasil é mistério.

O técnico interino do clube, Ricardo Cobalchinni não confirma o time que vai a campo enfrentar o Coxa nesta quinta-feira, às 20h30, no Couto Pereira. O ala-direita Alisson e o volante Dê podem sair do time titular para a entrada de Patrício e Bruno. Já Itaqui, embora liberado pelo departamento médico, também não teve seu nome confirmado entre os que iniciam a partida. Entre tantas dúvidas, uma das únicas certezas do time é Lima, conhecido da torcida coxa-branca e vice-artilheiro do Campeonato Gaúcho, com 11 gols.

Depois de terminar a primeira fase do Gauchão – Taça Piratini – como vice-campeão do turno, perdendo para o Grêmio nos pênaltis, o Caxias não reagiu mais e amargou a última posição no Grupo 1 da Taça Farroupilha.