O atacante Guerrón foi julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) devido à expulsão no clássico Atletiba e acabou punido com duas partidas de suspensão. Como já havia cumprido a suspensão automática, o equatoriano só precisa ficar mais um jogo de fora, e por isso, não enfrenta o Operário, amanhã, na Arena da Baixada.

Além disso, o técnico Geninho deve ter outros problemas para armar o time que enfrenta o Fantasma. O atacante Lucas e o zagueiro Rafael Santos, que não jogaram ontem contra o Paulista, ainda serão reavaliados pelo Departamento Médico para saber se terão condições de jogo.De acordo com o dr. Edilson Thiele, os dois foram poupados por estarem com dores musculares e têm possibilidade de entrar em campo amanhã.

Outra dúvida para a partida diante do Operário é o zagueiro Flávio, que ontem deixou o campo de jogo machucado, depois de levar uma pancada na perna. Quem certamente não joga no final de semana é o meia Héverton e o lateral esquerdo Héracles, que seguem entregues ao Departamento Médico. Além disso, o volante Alê está fora deste duelo porque terá que cumprir suspensão automática.

Se Geninho tem vários desfalques para o jogo deste final de semana, por outro o treinador já pode contar com os atletas recém-contratados pelo Atlético: O zagueiro Dalton, o goleiro Edson e o atacante Adaílton tiveram seus nomes publicados no BID e já podem estrear com a camisa rubro-negra.