Depois de uma longa novela em torno de sua contratação, enfim o volante Robston teve seu nome publicado ontem no BID da CBF e, logo em seu primeiro treino no Atlético, foi escalado entre os titulares e estreia hoje com a camisa rubro-negra, na partida diante do Paulista, às 19h30, em Jundiaí.

“Acho que aqui a cobrança vai ser muito maior do que vinha sendo, por ser um clube campeão brasileiro. Mas, tenho futebol para agradar a torcida e a diretoria que me deu essa oportunidade”, disse o jogador, que veio do Atlético-GO e hoje atuará ao lado de Alê no meio-campo do Furacão.

Robston já trabalhou com o técnico Geninho em 2010, no Dragão, onde conquistaram o Campeonato Goiano daquele ano e chegou no Furacão falando em também ganhar títulos. Ele falou também sobre suas características dentro de campo: “Gosto de chegar à cara do gol, já fiz muitos gols assim. Não vim para ser mais um no Atlético, vim pra jogar e conquistar títulos”.

Por fim, o atleta comentou a qualidade do elenco atleticano, que ele disse ter percebido logo de cara. “Acho que é um grupo de qualidade, vamos dar a volta por cima. Jogar com jogadores como o Paulo Baier, Mádson e Branquinho, para quem vem de trás é importante. A grandeza do Atlético e a presença desses jogadores motiva bastante”, afirmou o volante.